Tamanho do texto

As estimativas são de que o cupê japonês "envenenado" será arrematado pelo equivalente a R$ 230.000 e R$ 330.000, em uma conversão simples

Nissan 300ZX: o cupê dos anos 90, que anda mais que superesportivo dos anos 2000, recebeu preparação da pesada
Divulgação
Nissan 300ZX: o cupê dos anos 90, que anda mais que superesportivo dos anos 2000, recebeu preparação da pesada

O Nissan 300ZX, de 1991, que atingiu 421,536 km/h no deserto de sal de Bonneville (EUA), na chamada “Semana da Velocidade”, de 1995, será leiloado em janeiro na BH Auction, onde é estimado que será arrematado entre R$ 230.000 e R$ 330.000, numa conversão simples. Os grandes responsáveis por esse feito foram a JUN e a Blitz, empresas que preparam e customizam carros. Esse recorde foi registrado antes mesmo do lançamento do Bugatti Veyron (2005-2015),  que foi o carro produzido em série mais veloz do mundo por muito tempo, ao atingir 407 km/h.

LEIA MAIS: Koenigsegg Agera RS, de 1.341 cv, bate recorde de velocidade

O Nissan 300ZX , que originalmente tinha um V6 de 276 cv, teve que passar por uma série de modificações para atingir velocidades maiores que 400 km/h. O motor recebeu componentes internos de metal forjado para resistir à troca dos dois turbocompressores. Além disso, a dianteira foi modificada para adquirir forma de bolha, com o objetivo de diminuir a resistência do ar em altas velocidades. Se não fosse por isso, o vento “seguraria” o carro e faria a sua nova potência, de 985 cv, não ser o suficiente. Em complemento, uma grande chapa metálica aerodinâmica foi instalada na parte inferior do carro, para manter uma boa canalização do ar, o que implicou em ganhos de estabilidade.

LEIA MAIS: Tesla revela novo esportivo elétrico, que acelera de 0 a 100 km/h em 1,9 segundo

No interior, foi adicionada uma “gaiola” (santantônio) e bancos de corrida, como itens de segurança. Além disso, para uma melhor sensibilidade do carro pelo piloto, um novo volante foi instalado, bem como equipamentos de monitoramento, para o carro ser supervisionado enquanto dá tudo de si.

LEIA MAIS: Mustang Hennessey HP750: 774 cavalos, 0 a 100 km/h em 3,2 segundos!

O carro de produção mais veloz do mundo

Se o Nissan 300 ZX surpreendeu em 1995, o Koenigsegg Agera RS é a bola da vez. Atingindo  insanos 444,64 km/h em novembro desse ano, com seu modelo mais possante, de 1341 cv, o supercarro tem a Bugatti (com o Chiron) como o concorrente mais direto.

Além de perder o título de carro com a maior velocidade final, que foi durante anos do Veyron o Agera RS também superou no melhor tempo de 0-400-0 km/h (de 41.96 segundos do Bugatti Chiron ante o atual recorde, de 36.44 segundos do Koenigsegg Agera RS).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.