Tamanho do texto

Salvem as peruas! Elas estão sumindo do nosso mercado, mesmo sendo mais práticas, estilosas e econômicas

Se você acompanha o iG Carros, sabe que levantamos a bandeira “salvem as peruas”. Hoje, elas perderam espaço - e até o status - para a onda dos SUVs que invadiu o mercado e tem se tornando cada vez maior. Apesar de quase extintas no Brasil, elas continuam sendo agradáveis de dirigir, econômicas e espaçosas, entre outras vantagens que você verá a seguir.

LEIA MAIS: Os SUVs que chegarão ao Brasil até o segundo semestre de 2018

Nós estamos aqui para bater o pé em teimosia, e mostrar que você pode comprar o carro errado no começo de 2018. Antes de marcar uma visita à concessionária mais próxima para ver o SUV da moda, veja cinco motivos pelos quais você deveria abandonar o bote que segue a maré e apostar em uma das peruas .

1 - Desempenho

Volkswagen Golf Variant: está prestes a receber retoques no visual em 2018, bem como instrumentos digitais
Divulgação
Volkswagen Golf Variant: está prestes a receber retoques no visual em 2018, bem como instrumentos digitais

Ter uma perua pode ser muito mais divertido que um SUV. Imagine você ao volante de uma Volkswagen Golf Variant 1.4 TSI (R$ 108.667), de 150 cv, que acelera de 0 a 100 km/h em 9,1 segundos. Ou vai dizer que prefere um Honda HR-V Touring (R$ 107.900), de 139 cv de potência e quase 12 segundos para atingir a mesma velocidade?

Muito do desempenho superior vem da aerodinâmica no design de uma perua, que contribui para um arrasto mais fluido. Por serem mais altos e pesados, os SUVs costumam manter mais resistência ao ar. Portanto, a não ser que você esteja em um Lamborghini Urus - o que eu acho difícil - aerodinâmica não é algo a se orgulhar em um SUV. 

2 - Dirigibilidade

Mercedes Classe C Estate: entre idas e vindas no mercado brasileiro, o modelo agora é vendido apenas na versão C180
Divulgação
Mercedes Classe C Estate: entre idas e vindas no mercado brasileiro, o modelo agora é vendido apenas na versão C180

Elas também são mais estáveis por conta do centro de gravidade baixo em relação aos SUVs. Um levantamento publicado pelo Departamento de Segurança Viária dos Estados Unidos aponta que para cada automóvel que capota, três SUVs sofrem o mesmo acidente.

Há, inclusive, uma fórmula matemática para calcular o coeficiente de capotamento de um automóvel: TC = B/2CG, ou taxa de capotamento é igual à medida da bitola dianteira dividida por duas vezes a altura do centro de gravidade. A partir dessa conta, chega-se à conclusão de que um utilitário esportivo tem uma probabilidade 50% maior de capotar em relação ao automóvel comum, como uma perua. Com estes atributos em mente, tenha noção das limitações que um SUV tem em relação a uma wagon quando falamos de dirigibilidade.

3 - Acessibilidade

Volkswagen Golf Variant: porta-malas da perua pode levar até 605 litros de bagagem, segundo a fabricante
Divulgação
Volkswagen Golf Variant: porta-malas da perua pode levar até 605 litros de bagagem, segundo a fabricante

Se você tem idosos na família, saiba que eles irão sofrer sempre que você oferecer uma carona. Os SUVs são mais altos, impedindo a acessibilidade de pessoas com dificuldade de locomoção. Pude ver isso na prática durante o fim de semana que passei com o Renault Captur com motor 1.6 SCe, de 120 cv e câmbio automático CVT, que se revelou a melhor melhor versão do SUV compacto da marca francesa vendido atualmente no Brasil. 

LEIA MAIS: Volkswagen Golf renovado chega ao Brasil no começo de 2018

Minha avó, que não tem problemas de locomoção e costuma entrar e sair de carros sem qualquer ajuda, teve muita dificuldade a bordo do SUV da Renault. Tanto pela altura quanto o peso da porta. Se o carro estiver parado em uma subida, a situação ficará ainda mais complicada e os idosos vão precisar de uma forcinha para entrar ou descer. Acessar sua bagagem no porta-malas também se tornará uma tarefa bem mais simples em uma perua por conta da altura, sem falar no espaço do compartimento… Não entenda mal, alguns SUVs vem com porta-malas bem espaçosos. Mas compare o espaço disponível em uma Volkswagen Golf Variant (605 litros) com o de um Honda HR-V (437 litros) - ambos com o mesmo preço. Fica evidente que a perua levará todas as malas da sua família sem aperto.

4 - Consumo

Audi A4 Avant: também vendida no Brasil, oferece bom espaço, dirigibilidade exemplar e sofisticação de sobra
Divulgação
Audi A4 Avant: também vendida no Brasil, oferece bom espaço, dirigibilidade exemplar e sofisticação de sobra

Novamente, a aerodinâmica de uma perua se faz presente para dar uma ajudinha na sua vida. Ou melhor, para o seu bolso. Já falamos que por conta dos SUVs serem mais altos, costumam manter mais resistência ao ar. Consequentemente, gastam mais combustível que uma perua. Eles também são mais pesados. Logo, mais trabalho para o motor, por mais eficiente que ele seja. Vamos novamente comparar um SUV com uma perua. Mas, dessa vez, da mesma marca e com o mesmo conjunto mecânico.

O Volkswagen Tiguan, equipado com motor 1.4 TSI ,de 150 cv de potência, é capaz de aferir 10,1 km/l na cidade e 11,6 km/l na estrada, de acordo com o Inmetro. Utilizando o mesmo conjunto e pesando 200 kg a menos, a Golf Variant faz 10,9 km/l na cidade e 13,8 km/l em trajeto rodoviário.

5 - Praticidade

Volvo V60 Estate 2017: ainda faz parte da linha da marca sueca oferecida no Brasil atualmente, com boas qualidades
Divulgação
Volvo V60 Estate 2017: ainda faz parte da linha da marca sueca oferecida no Brasil atualmente, com boas qualidades

Você levará menos tempo para colocar sua perua em uma vaga. Claro, temos que considerar que os SUVs são um pouco menores no comprimento, mas a altura dificulta a visão traseira, ainda mais com obstáculos chatos no caminho. No caso da Variant, você ainda poderá equipar o park assist , que identifica o tamanho de uma vaga em potencial através de sensores ultrassom.

LEIA MAIS: Peruas muito legais que nunca serão vendidas no Brasil

Tudo que o motorista precisa fazer é engatar a ré e utilizar os pedais de acelerador e freio para completar a baliza. O sistema controla a direção automaticamente. Tendo isso em mente, alguns podem até achar estranho que a Golf Variant tenha aparecido tantas vezes em nossa lista.

Mas pasme, ela é a única perua que sobrou na faixa dos R$ 100 mil, competindo com as versões mais caras dos SUVs compactos. Em países como Alemanha e França, os SUVs não mataram as peruas, e elas continuam aparecendo com muito destaque e elegância nas ruas. Fizemos até uma lista de cinco modelos legais que são vendidos por lá, mas não temos o prazer de dirigir por aqui. Confira no link acima.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.