Tamanho do texto

O XC40 que receberá o novo motor será a versão T3 híbrida, com câmbio manual de 6 marchas. No Brasil, SUV chega em abril com outra configuração

Volvo XC40: nova versão híbrida, de 3 cilindros, não deverá ser vendida no Brasil, pelo menos num primeiro momento
Divulgação
Volvo XC40: nova versão híbrida, de 3 cilindros, não deverá ser vendida no Brasil, pelo menos num primeiro momento

A Volvo lança o seu primeiro motor de três cilindros. Com 1.5 litro de cilindrada e turbocompressor, equipará a versão híbrida do XC40, SUV compacto que chega ao País em abril, a partir de R$ 169.950, mas com outras opções de conjunto mecânico. Batizada de T3, a nova versão do XC40 vai ser vendida em países como o Reino Unido, com câmbio manual de 6 marchas, por algo equivalente a R$ 125.000. Uma opção de câmbio automático de 8 marchas surgirá para essa versão apenas em meados do ano que vem. 

LEIA MAIS: Volvo XC60 R-Design: SUV sueco atinge sua melhor forma

Um
Divulgação
Um "raio x" revela o funcionamento dos componentes internos, que entregam rendimento, apesar do tamanho compacto

Segundo Alexander Petrofski, diretor sênior da fabricante sueca: “O nosso motor de três cilindros é um desenvolvimento notório para a Volvo , pois proporciona flexibilidade no desempenho do carro e aumenta as possibilidades de escolha do cliente entre as versões”. Petrofski também não descarta a possibilidade do motor equipar outros modelos, também aliado ao sistema híbrido: “a ideia é de, futuramente, levar o desenvolvimento a outros modelos da linha. Ele vem inicialmente no XC40 pois, tal como o motor, o SUV vem para revolucionar o segmento a que concorre.”

LEIA MAIS: Volvo XC90 2018 é revelado com novos equipamentos, mais luxo e modernidade

A vinda do XC40 ao Brasil

A pré-venda já está disponível nas versões T4 (quatro cilindros, turboalimentado, com 190 cv e 30 kgfm), T5 Momentum e T5 R-Design (cinco cilindros, turbo, com 252 cv e 35 kgfm), bem como nas edições especiais T5 Momentum First Edition e T5 R-Design First Edition; todas elas com sistema de direção semi-autônoma. As duas “First Edition” vão trazer um pacote de equipamentos que inclui câmera 360°, assistente de estacionamento paralelo e perpendicular, sistema de alerta de ponto cego com alerta de tráfego, bancos dianteiros com aquecimento, bancos traseiros rebatíveis eletricamente com acionamento pelo porta-malas e sistema de alerta em caso de colisão traseira.

LEIA MAIS: Audi Q3 1.4 Ambition: como anda o SUV premium mais vendido do Brasil

A preocupação da Volvo por segurança seguirá nos equipamentos auxiliares. O XC40 terá mitigação de pista oposta - que ajudará os motoristas a evitarem colisões com veículos que se aproximarem na pista contrária, ao avisar que o carro está invadindo a faixa oposta - bem como suporte automático de direção, que conduz o carro de volta à sua própria pista. Além disso, contará com alerta de mudança de faixa, sistemas de proteção contra impactos laterais e lesões na coluna cervical e, por fim, controle de cruzeiro adaptativo, que ajusta a velocidade e a distância a ser mantida em relação ao carro da frente, acelerando ou freando automaticamente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.