Tamanho do texto

O novo BMW X3 chega com visual renovado, novos equipamentos e tecnologias, como o modo de condução semi-autônomo

Tal como o novo BMW X2, o X3 é fruto de um pesado investimento da marca, para atender a grande demanda por SUVs
Divulgação
Tal como o novo BMW X2, o X3 é fruto de um pesado investimento da marca, para atender a grande demanda por SUVs

O novo BMW X3 começa a ser produzido na fábrica em Araquari (SC), na versão xDrive30i X Line (R$ 309.950). Além de contar com um visual renovado - exibindo um novo par de faróis de LED, novo para-choque dianteiro,  linha de cintura mais alta que a geração anterior e remodelação das lanternas traseiras - agora chega com novos equipamentos e tecnologias, incluindo sistema semi-autônomo de condução e o sistema multimídia equipado com um chip de conexão à internet. Apresentado mundialmente em 2017, no Salão de Frankfurt (Alemanha), a terceira geração do SUV integrará a linha de produção, responsável pelos modelos da Série 3, X4 e X1.

LEIA MAIS: BMW X2 tem pré-venda iniciada no Brasil e preços das versões revelados

Entre as opções de motor do BMW , a versão xDrive30i X Line tem um 2.0, de quatro cilindros em linha, que produz um total de 252 cv - ou 68 cv a mais  que a geração anterior - e 35 kgfm de torque máximo. Já a versão M40i fica mais esportiva, com  motor de 6 cilindros em linha e dois turbocompressores gêmeos, que entregam um total de 360 cv de potência - ou 54 cv a mais que o antecessor - e 50 kgfm de torque. Ambas as opções contam com câmbio automático esportivo, de oito marchas, com alavancas atrás do volante para trocas de marcha, e tração integral. Enquanto que a versão xDrive30i X Line acelera de 0 a 100 km/h em 6,3 segundos, com velocidade máxima de 240 km/h, a versão M40i, de R$ 397.950, faz em 4,8 segundos e é limitado eletronicamente a 250 km/h de velocidade final.

LEIA MAIS: Novo BMW X4 é revelado maior e mais moderno, após reestilização

Recheado de tecnologia

No interior do BMW X3, a lista de equipamentos inclui sistema multimídia com tela digital de 12 polegadas com navegação, ar-condicionado automático digital com controle de três zonas, bancos com formato esportivo e ajuste de lombar, assentos traseiros tripartidos, volante revestido de couro e teto solar panorâmico. Além disso, conta com recursos de monitoramento do trânsito e serviços concierge , bem como condução inteligente em situações de congestionamentos ou longas viagens, que procura prevenir colisão traseira, alertar tráfego cruzado, aproximação lateral e saídas involuntárias de faixa. A tecnologia dos sensores agregada aos comandos que os gerenciam, oferece, ainda, o modo de estacionamento autônomo, auxiliado também por câmeras.

LEIA MAIS: BMW X5 M: SUV de 575 cv chega ao Brasil no primeiro semestre de 2018

Mesmo com a chegada do novo BMW X3, o “irmão menor” X2, por sua vez, é a aposta do ano para a marca alemã. Virá em suas duas versões com o 2.0 turbo, de 190 cv. A versão de entrada, xDrive 20i, trará sistema de navegação sensível ao toque, assistente de estacionamento e novo câmbio automático de dupla embreagem. O modelo topo de linha da gama X2 é o M Sport, com rodas aro 19, bancos esportivos, volante com hastes para trocas sequenciais e head-up display , que projeta as principais informações do cluster no para-brisa. Os preços vão de R$ 211.950 na versão de entrada sDrive20i GP, enquanto a topo de linha sDrive20i M Sport X sairá por R$ 246.950.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.