Tamanho do texto

Eles eram conhecidos por suas qualidades em outros segmentos, mas tornaram utilitários esportivos. Saiba quais são esses modelos

Ford Maverick: clássico cupê deverá ter seu nome usado em um SUV médio, segmento mais procurado nas lojas hoje em dia
Divulgação
Ford Maverick: clássico cupê deverá ter seu nome usado em um SUV médio, segmento mais procurado nas lojas hoje em dia

Lembra do Ford Maverick, cupê esportivo que encantava as ruas brasileiras durante os anos 70? Ele pode estar voltando ao mercado americano, mas não do jeito que conhecemos. Pois bem, quem poderia imaginar que o Maverick iria se render aos SUVs de shopping que se alastram pelas ruas de todo o mundo.

LEIA MAIS: Veja 5 ocasiões em que milionários passaram do limite em seus carros de luxo

Com o fenômeno dos SUVs , muitos carros legais estão dando adeus às suas origens para ganhar um design mais encorpado, novas rodas com pneus graúdos e a alcunha de “utilitário esportivo”. O mundo não poderia estar ficando mais chato. A reportagem do iG Carros lista cinco carros que eram legais, mais se tornaram SUVs.

1 - Mini Countryman

Mini Countryman: modelo também aposta em versões mais esportivas, como o John Cooper Works
Divulgação
Mini Countryman: modelo também aposta em versões mais esportivas, como o John Cooper Works

A Mini nasceu em 1969, na Inglaterra, com a proposta de aproveitar melhor os espaços urbanos. As ruas europeias são tão antigas que, para se entrar em alguns trechos da cidade, é necessário até pagar um pedágio. Desta forma, um carrinho pequeno, ágil e fácil de estacionar ganharia destaque.

As coisas mudaram com o lançamento do Countryman, o primeiro SUV da história da Mini. Ele tem 4,29 m de comprimento e 1,82 m de largura, e chega a ser maior até que o Honda HR-V. Se isso não é trair o movimento, não sabemos o que é. Apesar de não ser a versão mais legal do Mini, o Countryman se mostrou muito divertido e econômico em nossa avaliação. Parte de R$ 164.950 na versão S, com motor 1.5, de três cilindros e 136 cv. 

2 - Fiat 500X

Fiat 500X: primo do nosso Renegade, o crossover faz muito sucesso nos Estados Unidos e na Europa
Divulgação
Fiat 500X: primo do nosso Renegade, o crossover faz muito sucesso nos Estados Unidos e na Europa

O 500 tinha a mesma proposta de ser um citycar básico para a cidade. Assim como o Mini, apostava num design compacto e carismático. Sua versão original não foi vendida por aqui, mas podemos matar um pouco da vontade quando vemos a réplica muito bem-feita dos quiosques da "Bacio di Latte" em alguns shoppings.

LEIA MAIS: Os 5 SUVs manuais mais econômicos do Brasil

Assim como o Mini, o 500 também ganhou uma versão SUV. Eis que nasce o 500X, praticamente um primo mais legal do nosso Jeep Renegade - feito sob a mesma plataforma, inclusive. Além dele, a Fiat também lançou o 500L, que seria uma versão “Clubman”, mais alongada. Os dois crossovers fazem um grande sucesso na Europa e nos Estados Unidos. Para brincar com a ideia de um 500 mais viril, a marca preparou o comercial cômico que você pode conferir abaixo.

3 - Mitsubishi Eclipse Cross

Mitsubishi Eclipse Cross: modelo chega para cobrir a lacuna entre o compacto ASX e o Outlander
Divulgação
Mitsubishi Eclipse Cross: modelo chega para cobrir a lacuna entre o compacto ASX e o Outlander

Não foram apenas os pequenos citycars que se renderam à moda dos SUVs. Os cupês esportivos dos anos 90 também. A anúncio de que o Mitsubishi Eclipse retornaria em 2018 com uma nova versão Cross foi recebido como um susto por todos. Se o planejamento da marca japonesa correr certo em 2018, conheceremos o novo modelo durante o Salão do Automóvel, no São Paulo Expo, entre 8 e 18 de novembro.

O Mitsubishi Eclipse Cross ocupará a lacuna entre ASX e Outlander, disputando com os SUVs médios Jeep Compass, Kia Sportage e Volkswagen Tiguan. A HPE, importadora da Mitsubishi no Brasil, ainda não deu detalhes sobre o motor do modelo brasileiro, mas podemos esperar por opções 1.5 turbo, a gasolina e 2.2, turbodiesel.

4 - Lamborghini Urus

Lamborghini Urus: apesar dos 2.200 kg e o grande porte, o SUV de 660cv acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,6 s
Divulgação
Lamborghini Urus: apesar dos 2.200 kg e o grande porte, o SUV de 660cv acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,6 s

Uma marca italiana e tradicional de supercarros entrando no mundo dos SUVs revela o fim dos tempos para os puristas. Quando os primeiros boatos sobre o Urus surgiram na internet, muitos duvidaram que o projeto realmente visse a luz do dia. E ele está aí, entre nós.

LEIA MAIS: Conheça 5 boas opções para ser o seu primeiro carro

A Direct Imports, importadora independente com sede em São Paulo, fez a primeira encomenda do Lamborghini Urus no Brasil. O novo SUV esportivo chegará por R$ 1,7 milhão, com todas as taxas já inclusas. Apesar de seus 2.200 kg e o grande porte, o SUV de 660cv acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,6 segundos e chega aos 305 km/h, revelando suas características indomáveis.

5 - Rolls-Royce Cullinan

Rolls-Royce Cullinan: primeiro SUV da marca inglesa, que se rendeu à febre dos SUVs, para desespero dos puristas
Divulgação
Rolls-Royce Cullinan: primeiro SUV da marca inglesa, que se rendeu à febre dos SUVs, para desespero dos puristas

A Rolls-Royce está de olho no sucesso do Bentley Bentayga, e já tem uma investida contra o rival saindo do forno. Estas são as primeiras fotos do Cullinan, o primeiro SUV da marca do “duplo R”. A ambição da Rolls-Royce é apresentar ao mundo o SUV mais luxuoso que já existiu. Ousado, não? Principalmente para uma marca que virou sinônomo de sedã de luxo há mais de um século.

Ao que tudo indica, o SUV da Rolls-Royce usará mesmo o motor V12 6,75 litros do Phantom. Por mais que desempenho não seja o foco das mansões sobre rodas que são os Rolls Royce, é espantoso saber que esse motor é capaz de levar duas toneladas e meia de 0 a 100 km/h em apenas 5 segundos e à velocidade máxima de 250 km/h. Qual entre os SUVs é o mais legal? Deixe nos comentários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.