Tamanho do texto

Será feita em Pernambuco e concorrerá com o segmento das picapes médias. O objetivo é aumentar as vendas do modelo, que só conta com a versão 2500

Eis o RAM 1500,  vendida nos Estados Unidos para concorrer com o Chevrolet Colorado, chamado de S10 aqui no Brasil
Divulgação
Eis o RAM 1500, vendida nos Estados Unidos para concorrer com o Chevrolet Colorado, chamado de S10 aqui no Brasil

O grupo Fiat Chrysler Automóveis (FCA) confirmou que lançará, até 2022, uma nova picape média baseada na última geração do RAM 1500, para concorrer com a Chevrolet Colorado e a Ford Ranger nos Estados Unidos. O modelo poderá ressuscitar o nome da Dodge Dakota, que vendeu no Brasil em meados dos anos 90 e foi extinta no mercado norte-americano em 2011. Além disso, segundo o site Autos Segredos, essa novidade virá ao Brasil para concorrer com as picapes médias.

LEIA MAIS: Ram 2500 Laramie volta a ser vendida no Brasil, agora de cara nova e equipad a

Além do RAM 2500, que já está à venda atualmente no País, a versão mais em conta será uma aposta para aumentar a expressividade nas vendas. As intenções de mercado são dividir os clientes com Toyota Hilux, Chevrolet S10, Mitsubishi L200 Triton, Nissan Frontier, Ford Ranger e Volkswagen Amarok. A novidade será fabricada no Brasil, mais especificamente no complexo industrial de Goiana, em Pernambuco, onde são feitos a Fiat Toro e os Jeep Renegade e Compass.

LEIA MAIS: Chevrolet Silverado 2019 é revelada ainda mais esportiva para o Salão de Detroit 

Mecânica e estrutura

A picape será fabricada na tradicional configuração de carroceria sobre chassi com longarinas e tração traseira – diferentemente da Toro, que usa estrutura monobloco e tração dianteira nas versões 4×2. Quanto à motorização, a mais cotada para o Brasil é a turbodiesel, de quatro cilindros (a mesma dos comerciais leves Iveco), com potências variando entre 110 cv e 203 cv, dependendo da versão. A nova picape da marca americana terá câmbio manual ou automático, com opções de tração 4×2 (traseira) e 4×4.

LEIA MAIS: Chevrolet S10 vende mais que Hilux e lidera o segmento das picapes médias 

A julgar pela versão 1500, o RAM terá, também, kit multimídia que pode ser de 5, 8, 4 ou 12 polegadas, todas com conectividade Apple CarPlay e Android Auto. O sistema de som premium do Ram fica por conta da Harman Kardon, que também desenvolve os aparelhos de BMW e Mini. O interior é luxuoso e abusa de materiais de boa qualidade. Para se ter uma ideia, o acabamento pode ser de madeira, ou de fibra de carbono.

LEIA MAIS: VW confirma chegada de dois SUVs inéditos, bem como de uma nova picape 

Versão aventureira será calibrada e acertada pelas mãos dos
Divulgação
Versão aventureira será calibrada e acertada pelas mãos dos "cientistas malucos" da subdivisão esportiva da Dodge, a SRT

Para os Estados Unidos, a FCA confirmou uma versão do RAM 1500, voltado ao uso no off-road extremo para concorrer diretamente com a Ford F-150 Raptor. O RAM TRX terá diversas preparações específicas de fábrica, como pneus de uso misto, suspensão modificada e motor mais potente. Se olharmos para a versão Rebel (foto), ainda mais extrema do que a TRX padrão, usará o mesmo motor do Challenger Hellcat, um V8 de 6.2 litros, com 707 cv e 89,9 kgfm. Isso a colocará em um patamar bastante superior ao do Ford F-150 Raptor, com seus 450 cv de potência máxima. 

Fonte:  Autos Segredos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.