Tamanho do texto

Marca venderá apenas o compacto 208 e os SUVs 2008, 3008 e 5008 no País, além dos utilitários Partner e Expert

Peugeot 308 feito na Argentina será encontrado novo no Brasil apenas enquanto durarem os estoques
Divulgação
Peugeot 308 feito na Argentina será encontrado novo no Brasil apenas enquanto durarem os estoques

Os modelos Peugeot 308 e 408 serão vendidos no mercado brasileiro apenas enquanto durarem os estoques nas concessionárias. A decisão de deixar de trazer ambos os carros da Argentina deve-se à queda nas vendas no segmento de hatches e sedãs médios. 

LEIA MAIS: Peugeot RCZ e 308 CC saem de linha no Brasil. Saiba mais detalhes

Em Peugeot 308 e 408,  o único modelo da marca francesa que seguirá da Argentina para o Brasil será o furgão compacto Partner, que vem com painel digital na linha 2019 e motor 1.6 flex. Além dele, a gama da marca no mercado brasileiro terá apenas o hatch compacto 208 e os SUVs 2008, 3008 e 5008. 

De acordo com os números da Fenebrave (Federação dos Distribuidores de Veículos), a Peugeot vendeu apenas 789 unidades do sedã 408 no Brasil em 2018 e 434 unidades do 308. Entretanto, a marca garante que os clientes destes modelos seguirão recebendo atenção nos serviços de pós-venda e serão mantidas as reposicões de peças.

 Peugeot não está sozinha

Renault Fluence deixou de ser vendido no Brasil, assim como acaba de acontecer com o Peugeot 308
Divulgação
Renault Fluence deixou de ser vendido no Brasil, assim como acaba de acontecer com o Peugeot 308

 Com as baixas vendas de hatches e sedãs médios no Brasil outras marcas instaladas na Argentina deixaram ou já estão decididas a deixar de enviar carros destes segmentos ao Brasil. Está certo que a Ford não vai mais produzir o Focus no país vizinho a partir de maio próximo, o que chegou a ser anunciado oficialmente pela marca, que não venderá nem a versão hatch nem a sedã. 

LEIA MAIS: Os 5 carros mais caros de consertar, de acordo com o CESVl

A Renault também deixou de trazer o sedã médio Fluence ao Brasil e vai investir em um novo SUV, o Arkana, com ares de cupê , assim como o novo utilitário esportivo que a Fiat vai começar a vender a partir de 2021 baseado no protótipo Fastback, mostrado no Salão do Automóvel, no São Paulo Expo, em novembro último.

Atualmente, ainda de acordo com os dados fornecidos pela Fenabrave, o segmento de hatches médios representam apenas 0,75% das vendas de automóveis e comerciais leves no Brasil hoje em dia. E o de sedãs médios fica com meros 6,2%, ante 30% de hatches pequenos e 24,3% dos SUV no geral.

LEIA MAIS: Peugeot 2008 Style é lançado por R$ 82.990, com detalhes exclusivos

O Peugeot 308 vendido no Brasil já estava desfasado em relação ao vendido na Europa. Trata-se apenas de uma renovação do antigo 307. No mercado europeu, o hatch médio é feito sobre a plataforma EMP2, mais moderna que a do modelo que acaba de ter encerrada a importação da Argentina para o mercado brasileiro. O novo 308 chegou, inclusive, a ser eleito Carro do Ano da Europa, em 2014.