Tracker
Divulgação
Linha de montagem da GM onde é produzido Chevrolet Tracker volta aos poucos a funcionar com uma série de novos procedimentos

A GM começa a retomar a produção na fábrica em São Caetano do Su (SP)l, de maneira gradual e com uma série de novos procedimentos. Por enquanto, a marca vai passar a se concentrar na fabricação do utilitário esportivo compacto Tracker, que ficou na liderança de vendas entre os SUVs compactos nos primeiros quinze dias de maio , de acordo com os dados do Renavam (Registro Nacional dos Veículos Automotores).

LEIA MAIS: Novo Chevrolet Tracker tem preços, versões e equipamentos revelados

Parada desde o dia 30 de maio, a linha de montagem da GM volta a funcionar com base nos testes implementados em outras fábrica da marca no mundo, como na China e Coréia do Sul. Entre os novos procedimentos, empregados e colaboradores terão que fazer uma autodeclaração de saúde, medição de temperatura corporal, distanciamento, higienização frequente de superfícies, uso de máscaras, entre outros.

De acordo com o vice-presidente de manufatura da GM da América do Sul, Luiz C. Perez, "estamos disponibilizando o nosso guia de orientação para empregados com o intuito de difundir boas práticas que podem ser úteis para outras entidades e para a comunidade em geral na luta contra o novo coronavírus ".

LEIA MAIS: Fábrica da GM celebra produção de 4 milhões de carros e revela Onix laranja

Além do novo Chevrolet Tracker, a GM continua fabricando máscaras e reparando respiradores para ajudar no combate à pandemia. Outras marcas, como Renault, BMW e Volkswagen , também começaram, aos poucos e com novos procedimentos, a voltar a produzir no Brasil, durante a maior crise que o setor automotivo já enfrentou no País.

    Veja Também

      Mostrar mais