Tracker
Divulgação
Chevrolet Tracker ficou na liderança nas vendas de SUVs em maio, seguido pelo Jeep Renegade, o líder no acumulado do ano

As mudanças no mercado automotivo no Brasil seguem aceleradas durante a pandemia. Agora, de acordo com o relatório de vendas divulgado mensalmente pela Fenabrave (Federação dos Distribuidores de Veículos), aparecem os SUVs como o segmento mais vendido do País, em maio, com 31,8%, seguido pelos hatches compactos (28,6%) e sedãs pequenos (8,1%). Trata-se da primeira vez que isso acontece e mostra que os modelos com valor mais alto estão tendo mais procura atualmente.

LEIA MAIS:  Depois da pandemia, qual será o "novo normal" no setor automotivo?

Essa tendência vem sendo observada recentemente por plataformas digitais, como o Webmotors Autoinsights, que tem mostrado desigualdades maiores que de costume, em que está aparecendo "um fluxo entre pessoas que estão descapitalizadas e anunciam os seus veículos para obterem recursos e compradores capitalizados que aproveitam a oportunidade para aquisição do carro dos sonhos", comenta o CEO da Webmotors, Eduardo Jurcevic.

Os lançamentos de diversos utilitários esportivos também têm contribuído para o crescimento dos SUVs no mercado. Um deles fica por conta da nova geração do Chevrolet Tracker (a partir de R$ 85.290), que em maio foi o modelo mais vendido do segmento, com 1.564 unidades, ante 1.293 do segundo colocado, o Jeep Renegade (parte de R$ 82.490), que se mantém como líder no acumulado do ano, com 16.618 unidades, ante 15.133 do VW T-Cross (a partir de R$ 89.385) e 14.403 do Compass (parte de R$ 153.990).

Onda de SUVs

VW Nivus
Divulgação
VW Nivus vai chegar às lojas no fim do mês como o primeiro SUV com ares de cupê fabricado no Brasil


A enxurrada de SUVs que invadiu o mercado brasileiro nos últimos anos inclui modelos como Hyundai Creta , Citroën C4 Cactus, Caoa Chery 5X, Chevrolet Equinox, Mitsubishi Elipse Cross, entre tantos outros. Com a chegada da crise econômica, a onda de utilitários esportivos diminuiu, mas ainda não terminou. Nos últimos três meses chegaram novidades como o próprio Tracker, o  Renault Duster renovado e o VW Nivus , que vai começar a ser vendido no fim desse mês.

LEIA MAIS: Vendas online aumentam durante a quarentena, inclusive no setor automotivo

Apesar de terem superado ou demais segmentos em maio, conforme os dados da Fenabrave, no acumulado dos cinco primeiros meses do ano, os SUVs se mantêm em segundo lugar, com 27,8% das vendas, ante 32,7% dos hatches pequenos. De qualquer forma, é possível que os utilitários esportivos se tornem campeões de vendas no Brasil até o fim de 2020, ano que vai ficar marcado na história da humanidade. Veja abaixo como ficou a lista dos 10 SUVs mais vendidos do mês.

1 - Chevrolet Tracker - 1.564
2 - Jeep Renegade - 1293
3- Jeep Compass - 1255
4 - Hyundai Creta - 1.123
5 - Renault Duster- 1.015
6 - VW T-Cross - 1.007
7 - Honda HR-V- 952
8- Ford EcoSport - 851
9- Nissan Kicks - 780
10 - Citroën C4 Cactus - 365

    Veja Também

      Mostrar mais