dirigir
Divulgação
Segundo a pesquisa da Continental, a maioria dos motoristas pretende viajar para praia depois da pademia

Conforme pesquisa da fabricante de pneus Continental , entre os dias 22 de maio e 3 de junho, com 315 pessoas entrevistadas pela internet, conseguiu-se traçar os planos dos motoristas durante a pandemia do novo coronavírus. Entre o que foi apurado, destaca-se o fato de que 43% continuaram dirigindo.

LEIA MAIS: Veja quais são 5 piores cidades do mundo para dirigir hoje em dia

Ainda de acordo com o resultado da pesquisa, 35% dos motoristas entrevistados destacaram sentir saudades de estar atrás do volante e 21% informaram não sentir falta. Entre os motoristas que seguem dirigindo, 92% alegaram motivos pessoais ou profissionais como razão do deslocamento.

Em relação aos planos futuros, 66% planejam viajar de carro, 43% por considerar esse modal de transporte o mais seguro e 23% por saudades de pegar a estrada dirigindo. Como destinos principais, 56% cogitam ir para a praia e 31% para o interior. E, para quem imagina que a quarentena desgastou as relações familiares, 75% dos pesquisados planejam viajar com a família.

Durante a quarentena, 69% dos motoristas manifestaram preocupação com a manutenção de seu carro e 48% informaram realizar quinzenalmente a calibragem de seus pneus.

LEIA MAIS: Saiba dirigir o carro sem causar muito desgaste

A pesquisa também apurou também a percepção e os hábitos dos motoristas brasileiros: 87% se posicionaram como respeitoso - contra apenas 12% de perfil agressivo - e 41% informaram utilizar o bluetooth enquanto dirigem para falar ao celular.

    Veja Também

      Mostrar mais