Os preços dos carros novos no Brasil estão chegando em um patamar em que os modelos mais em conta já estão custando o mesmo que SUVs seminovos. Prova disso está na lista abaixo, em que a reportagem de iG Carros mostra quais modelos comprar de cada marca que fabrica hatches compactos 1.0 hoje em dia.

Os preços são dos modelos básicos, sem opcionais. Dos cinco, três chegam bem próximo ou ultrapassam a barreira dos R$ 50 mil. Com isso, é possível levar alguns SUV s interessantes para casa. Se levássemos em consideração os hatches compactos em versões um pouco mais equipadas, as opções de escolha seriam ainda maiores (e melhores).

1 - Chevrolet Tracker LT 1.8 2016 - R$ 55.000

Tracker
Divulgação/General Motors
Chevrolet Tracker LT de quatro anos atrás custa o mesmo que um Onix mais em conta novo hoje em dia


Com os R$ 55.990 do Onix Joy novo pode-se comprar o SUV da GM na versão LT com câmbio automático de seis marchas. Tudo bem que é a versão mais simples, sem central multimídia, volante multifuncional e bancos de tecido. Mas estamos falando de um carro mais equipado e espaçoso que o hatch compacto. Entre outros itens, há faróis auxiliares de neblina, rodas de liga-leve de aro 16, ancoragem ISOFIX para cadeiras infantis e conjunto elétrico.

O motor é 1.8 Ecotec, de 144 cv e 18,9 kgfm de torque a 3.800 rpm, que funciona com a caixa automática, que é um pouco hesitante na trocas. Nessa versão também falta controle eletrônico de estabilidade e a economia de combustível não é o forte do carro, que faz 6,4 km/l de etanol na cidade e 9,4 km/l na estrada, conforme o Inmetro. Por outro lado, o vão livre do solo de 13,1 cm ajuda s superar obstáculos e no porta-malas vão 306 litros de bagagem.

2 - Ford EcoSport SE 1.6 2016 - R$ 49.800

EcoSport
Divulgação
Ford EcoSport SE 2016 com câmbio manual custa o mesmo que um Ka 1.0 mais simples, sem nenhum equipamento opcional



Em vez de levar o Ka 1.0 mais em conta, que sai por R$ 49 890, pode-se levar o primeiro SUV compacto lançado no Brasil, na versão mais simples, que vem com câmbio manual de cinco marchas e motor Sigma 1.6, que rende 115 cv e 15,9 kgfm a 4.750 rpm. A vantagem é que você não vai precisar se preocupar se a caixa Powershift passou pelo recall. Além disso, há mais espaço interno e a valentia de um SUV para enfrentar pisos irregulares.

Mas vale lembrar que alguns detalhes do Eco SE 1.6 de 4 anos atrás. O sistema multimídia é o Sync 1, com telinha pequena e monocromática. E as carcaças dos retrovisores, bem como outros detalhes nos para-choques e nas barras da capota não têm pintura na cor do carro. No porta-malas vão 362 litros e, comforme o Inmetro, o SUV faz 7 km/l de etanol na cidade e 8,2 km/l na estrada.

3- Renault Duster Dynamique 1.6 2014 - R$ 36.000

Duster
Divulgação
Renault Duster sem motor SCe e ainda da primeira geração, sem retoques no desenho custa o mesmo que um Kwid básico novo

O Renault Kwid básico, carro novo mais simples à venda hoje em dia, sai por R$ 37.490. Com esse valor é possível levar um Duster bem equipado, com motor 1.6, mas de 2014, quando o novo motor SCe ainda não estava disponível. No lugar dele, vem o anterior, conhecido pelo código KM4, mais ruidoso e menos eficiente. Rende 115 cv e 15,5 kgfm e vem acoplado ao câmbio manual, de cinco marchas.

Espaço é que não falta no Duster, que leva 475 litros no porta-malas. E essa versão escolhida é bem equipada. Não há central multimídia, mas som com entrada USB, sensores no para-choque traseiro para ajudar nas manobras de estacionamento, vidros elétricos dianteiros, faróis auxiliares e neblina, controles do som na coluna de direção, entre outros itens. Pelo Inmetro, faz 6,7 km/l de etanol na cidade e 7,4 km/l na estrada.

4 - Tiguan 2.0 Turbo Tiptronic 2012 - R$ 51.600

Tiguan
Divulgação
VW Tiguan com motor 2.0 turbo e câmbio automático de seis marchas ou um Up! mais em conta zero quilômetro?


O VW Up MPI 1.0 é o modelo mais barato da marca alemã no Brasil, com preço sugerido de R$ 51.590. A fabricante demorou um pouco para comecar a ter SUVs compactos no País. Então,com esse valor, o que daria para comprar de utilitário esportivo da marca é um Tiguan 2.0 turbo 2012. Se encontrar algum em bom estado e com baixa quilometragem, pode valer a pena. O motor tem 200 cv e funciona com câmbio de seis marchas, com conversor de torque, não é o DSG.

Como um dos carros mais sofisticados da marca há oito anos, o Tiguan já vinha com luzes diurnas de LED, controle eletrônico de estabilidade, freio de estacionamento elétrico, ar-condicionado digital, bancos de couro, entre outros itens. O desempenho também é empolgante. Vai de 0 a 100 km/h em 8,5 segundos e tem máxima de 207 km/h. Pelo Inmetro, faz 6,8 km/l de gasolina na cidade e 9 km/l na estrada.

5- Fiat Idea Adventure 2015 - R$ 36.800

Idea
Divulgação
Minivan com apelo aventureiro é o que mais de aproxima de um SUV da Fiat que custa igual ao Mobi 1.0 básico novo em folha


Com o preço de um Mobi básico, que sai por R$ 36.990, o que mais se aproxima de um SUV da Fiat é a minivan com apelo aventureiro. E tomamos o cuidado de recomendar a versão manual e não a com caixa automatizada Dualogic, que não é das mais precisas do mercado. O motor é o 1.8 usado até hoje pela FCA, com 132 cv e 18,9 kgfm, fora do ranking dos mais eficientes.

Com estepe na traseira, o modelo também não é dos mais práticos e espaçosos. O porta-malas leva modestos 380 litros. Apenas a lista de equipamentos é que anima um pouco. Som com entrada, USB, bussola, inclinômetro, conjunto elétrico, rodas de liga-leve com pneus de uso misto e volante multifuncional são alguns deles. Mas é bom ir devagar com o andor porque, comforme o Inmetro, o carro faz só 6,3 km/l de etanol na cidade e 7 km/l na estrada.


    Veja Também

      Mostrar mais