Bugatti Baby II
Divulgação
Bugatti Baby II: brinquedo que custa o equivalente a R$ 388 mil e vem com motor elétrico para atingir até R$ 70 km/h


A Bugatti anuncia o início das vendas nos Estados Unidos do Baby II, um carro de brinquedo desenvolvido pela marca de superesportivos que é uma réplica perfeita — em tamanho menor — do Type 35 , modelo produzido originalmente pela empresa nos anos 1920. O mais impressionante é o preço: o Baby II sai por US$ 71.400 (cerca de R$ 388 mil) em sua versão mais cara. Valor que por lá é próximo ao pedido pelo esportivo "real" Audi TT RS , que usa um motor de 400 cv e sai por US$ 72.500.


Produzido em parceria com a empresa britânica The Little Car Company, que é especialista na produção artesanal de carros em tamanho reduzido, o Bugatti Baby II tem 75% do tamanho do modelo real e usa um motor elétrico, que permite rodar até 50 quilômetros e atingir uma velocidade máxima de 70 km/h.

Apesar de ser um veículo de brinquedo, traz tecnologias típicas de um carro elétrico comum, como os freios regenerativos, além de sistemas como suspensão com amortecedores ajustáveis.

Serão produzidas 500 unidades do Baby II , em três versões: básica (US$ 36.600), Vitesse (US$ 53.300) e Pur Sang (US$ 71.400), que se diferenciam pelos conjuntos de motor e bateria e pelas carrocerias, que nas duas mais acessíveis são feitas em material composto, enquanto a topo de linha "veste" uma cabine feita artesanalmente em alumínio.


De acordo com a Bugatti, quem comprar o Baby II irá entrar para um clube seleto de clientes da marca, que terão a oportunidade de guiar o brinquedo em autódromos reais.

O carro real

Bugatti Baby II e Type 35
Divulgação
Bugatti Baby II e Type 35: réplica de brinquedo vem com visual que se aproxima do modelo clássico original


O Bugatti Type 35 é considerado o modelo de carro de corrida mais bem-sucedido da história da marca francesa, hoje parte do Grupo Volkswagen. Equipado com um incomum motor 2.0 de oito cilindros e linha e cerca de 90 cv de potência (número que era impressionante para a época), foi produzido entre 1924 e 1931 e podia atingir os 145 km/h de velocidade máxima.

Com produção de apenas 96 exemplares, o Type 35 original foi sucedido por variações posteriores do mesmo modelo, que traziam motores sobrealimentados com compressor mecânico para atingir a marca de 139 cv. Esse Bugatt i ficou registrado na história também como o primeiro carro de produção equipado com rodas de liga leve.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários