Kia Sportage 2019
Divulgação
Apesar do ano desafiador, Abeifa acredita que em 2021 setor de importados vai crescer 15% em relação ao ano anterior

As 15 marcas associadas à Abeifa (Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores) encerraram o ano de 2020 com queda de 12,7% nas vendas, segundo a própria entidade. Ao todo, 59.067 unidades foram licenciadas.

Na importação , o acumulado do ano chegou a 27.421 unidades, 20,7% menos em relação a 2019, quando foram emplacados 34.596 veículos. Entre as associadas à Abeifa que mantêm produção nacional ( Caoa Chery , Land Rover , BMW e Suzuki ), a queda foi de apenas 4,4% em 2020 na comparação com 2019. 

Foram 31.656 unidades nacionais emplacadas, contra 34.596 no ano anterior. Entre as peculiaridades de 2020, este foi o primeiro ano em que a produção nacional superou o total de veículos importados. 

Tiggo 2
Divulgação
Bons resultados da Caoa Chery durante a pandemia amenizaram a queda das associadas da Abeifa

“Foi um ano extremamente difícil para o setor, que vislumbrava a retomada no início de 2020. Mas como em todas as demais atividades econômicas, o impacto da pandemia de Covid-19 a partir da segunda quinzena de março foi devastador”, afirma João Henrique Oliveira, presidente da Abeifa. 

Você viu?

“Aliado a essa nova realidade, o nosso setor ainda sentiu as consequências nefastas da desvalorização cambial. De todo modo, os emplacamentos de nossas associadas – queda de 12,7% - foram menos impactados do que o total do mercado interno, cuja redução foi de 26,6%”, revela o executivo.

Expectativas para 2021

Discovery
Divulgação
Presidente da Abeifa acredita que vendas de importados deverão atingir em torno de 68 mil unidades no Brasil até o fim de 2021

Com vacinas para reduzir os impactos da Covid-19 no Brasil, o presidente da Abeifa estima que a entidade será capaz de emplacar 68 mil unidades em 2021; crescimento de 15% sobre os emplacamentos de 2020. 

“Em princípio, nossa primeira projeção pode parecer otimista demais, diante das estimativas já anunciadas pela indústria e pelo setor de distribuição, também na casa de 15%. Em nosso caso, porém, o porcentual de crescimento se justifica por conta da demanda reprimida de 2020, ano em que o dólar flutuou, na média, em patamares superiores a R$ 5,00”, diz Oliveira.

Associação

A Abeifa é formada pelas marcas BYD , Caoa Chery , Volvo , Suzuki , Rolls-Royce , Porsche , Mini , Maserati , Land Rover , Lamborghini , Kia , Jaguar , JAC Motors , Ferrari e BMW

Destas, apenas Caoa Chery, Land Rover, BMW e Suzuki contam com produção local, em Anápolis (GO), Jacareí (SP), Itatiaia (RJ), Araquari (SC) e Catalão (GO), respectivamente. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários