Porsche Cayenne Coupé recebeu apenas bancos do tipo concha e estrutura para proteger no caso de capotamento
Divulgação
Porsche Cayenne Coupé recebeu apenas bancos do tipo concha e estrutura para proteger no caso de capotamento

O Porsche Cayenne Coupé, com o piloto Lars Kern ao volante, bate recorde no circuito de Nürburgring, na Alemanha, com o tempo de 7 minutos, 38 segundos e 925 milésimos, superando o Audi RS Q8 em 4 segundos. Com isso, o modelo se torna o SUV mais veloz que já andou no chamado "Inferno Verde". A marca fica próxima de legítimos supercarros, bem mais leves, como Lexus LFA e Ferrari 458 Italia.

O recorde foi testemunhado por um bom público presente e as duas únicas mudanças feitas no Porsche Cayenne Coupé foram a inclusão da estrutura que protege em caso de capotamento (conhecida como "Santo Antônio") e bancos do tipo concha, com cintos de cinco pontos. O carro estava com rodas de aro 22 montadas em pneus Pirelli P Zero Corsa , desenvolvidos especialmente para este modelo.

"Nos primeiros metros ao volante do Cayenne Coupé foi preciso dar uma olhada de um lado para o outro para ter certeza de que estava pilotando um SUV , tamanha a agilidade que o carro mostrou". disse Kern. "A precisão do sistema de direção e a estabilidade nas curvas  foram pontos que me transmitiram bastante confiança", completou o piloto.

O conjunto mecânico do Cayenne Turbo Coupé conta com motor V8 biturbo, de 4.0 litros de cilindsrada, capaz de render 631 cv e brutais 86,7 kgfm de torque, números para acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,4 segundos, o mesmo que uma Ferrari 458 Italia . A velocidade máxima fica em torno de 300 km/h. Assista ao vídeo abaixo com cenas do feito na pista alemã.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários