Mercado de usados e seminovos está em alta com a crise econômica
Divulgação
Mercado de usados e seminovos está em alta com a crise econômica

Com a crise econômica, muitas pessoas estão vendendo seus automóveis para garantir uma grana extra neste momento tão delicado. Para ajudar, o mercado de seminovos está em alta com a falta de insumos na indústria, tornando este um bom momento para quem deseja se desfazer de um veículo.

Algumas dicas simples podem acabar ajudando a valorizar o carro na hora na hora da venda. Este é o assunto do iG Carros Podcast desta semana:

Vender um carro ralado ou com pequenas imperfeições é possível, mas esses detalhes acabam reduzindo o valor do modelo para o novo dono. O ideal é deixar o veículo em ordem para que ele possa ser apresentado com orgulho.Da mesma forma, sinistro, financiamento, multas, licenciamento, IPVA e transferência de placa devem ser quitados pelo motorista que pretende se desfazer do veículo .

Pode ser que algumas modificações, como trocar a roda ou rebaixar a suspensão, não agradem o interessado que busca sempre a originalidade. Isso também vale para a mecânica. Um veículo “chipado”, com abafador e outras alterações vale bem menos do que o modelo original. Portanto, se você quer se desfazer rápido do seu carro e tirar proveito da venda, é melhor retornar à originalidade estética .

Além disso, a consignação paga aos lojistas pode acabar com o lucro na hora de vender seu seminovo . A melhor atitude é anunciar o próprio automóvel nos principais classificados automotivos para salvar um pouco mais do valor final.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários