Sony Vision S-02: grade iluminada, rodas de aro 20 pintadas de dois tons e iluminação de LED no visual
Divulgação
Sony Vision S-02: grade iluminada, rodas de aro 20 pintadas de dois tons e iluminação de LED no visual

A Sony mostra o protótipo Vision S-02 no CES (Consumer Eletronic Show), em Las Vegas (EUA), que se tornou uma das feiras mais importantes do mundo. E anuncia que estuda a possibilidade de entrar mesmo no terreno dos carros elétricos com suporte da Mobility Inc a partir de meados de 2022, quando poderá dar a partida para a fabricação de um sedã e um SUV.

O Sony Vision S-02 é um utilitário esportivo elétrico conceitual com 4,90 metros de comprimento e generosos 3 metros de entre-eixos, mesma medida do sedã S-01 mostrado na CES de 2020. Porém, o SUV é mais largo, com 1,93 m de largura e 1,65 de altura e com maior vão livre do solo, chegando nos 15,7 cm. Também é mais pesado (2.480 kg ante 2.350 kg do sedã).

Porém, os componentes da plataforma são comuns nos dois modelos. Isso inclui a suspensão com molas a ar e a tração integral com dois motores elétricos que juntos geram 272 cv, potência para atingir 180 km/h no caso do SUV e de 240 km/h no sedã, que tem melhor arrasto aerodinâmico e menos peso. Ainda conforme a Sony , o S-02 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos.

Os desenhos de ambos os protótipos são praticamente iguais, diferenciando-se apenas por detalhes que deixam o SUV mais alto. Entre os principais destaques, estão a grade dianteira iluminada, as rodas de aro 20 pintadas de dois tons e o filete de LED na traseira. Além disso, há sete lugares e teto solar panorâmico.

Leia Também

O interior com ambiente tecnológico inclui três telas, sendo que duas delas funcionam como retrovisores e outra para acessar uma série de comandos. Atrás dos encostos dos bancos dianteiros vão outras duas telas. Há também sistema de som com efeito de 360 graus, acesso à internet via 5G e até vídeo game com conexão remota.

Uma série de sensores foram espalhados em todo o carro. Alguns detalhes reconhecem o motorista e os passageiros, os monitora e aceita comandos gestuais e de voz. Além disso, a Sony testa o sistema autônomo de nível 2, mas desenvolvido para chegar no 4 em um futuro próximo.

A decisão sobre o andamento do projeto de ambos os modelos elétricos da Sony deverá acontecer até meados do ano. Porém, ainda é cedo para falar sobre a entrada da gigante do ramo de tecnologia na seara dos carros elétricos.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários