Vendas de carros usados devem ficar estáveis em 2022 com questões preocupantes, como inflação e alta do dólar
Divulgação
Vendas de carros usados devem ficar estáveis em 2022 com questões preocupantes, como inflação e alta do dólar

A Fenauto divulga o resultado das vendas de veículos seminovos e usados em janeiro cujo relatório mostrou uma queda de de 29,9%, em relação ao mês de dezembro de 2021.


De acordo com a entidade, foram vendidas em janeiro 842.118 unidades contra 1.201.600 no último mês de 2021 e informa que o resultado é inferior ao registrado no mesmo período de outros anos.

Ainda segundo a Federação o aumento dos compromissos com impostos e outras despesas, comuns no começo de ano, poderiam influenciar e fazer oscilar os índices de confiança do consumidor na economia, e que poderia afetar as vendas neste princípio de 2022.

Para o presidente da Fenauto, Enilson Sales, 2022 será um ano bem desafiador e há ainda uma certa insegurança sobre como se comportará a crise sanitária do Covid-19, com a possibilidade de novos repiques que podem influenciar o comportamento do consumidor.

"Temos preocupações com o aumento da inflação , as oscilações do câmbio e, para concluir, um ano eleitoral, que sempre mexe com o humor da economia . Por isso, continuamos com uma certa cautela otimista para 2022.”

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários