Ford F-150 cinza
Divulgação
Ford F-150 elétrica começará a ser vendida no ano que vem para manter a posição de modelo mais vendido do segmento

A Ford revelou que começa a vender em 2020 a versão eletrificada da picape F-150, seu modelo de maior sucesso. Virá primeiro a versão híbrida e, dois anos depois, o modelo elétrico. Será um desafio e tanto para a montadora americana agradar os fãs do veículo e, para isso, planeja um grande plano marketing. O objetivo das ações é acabar com dúvidas da capacidade da futura picape elétrica.

LEIA MAIS: Honda lançará o seu primeiro carro elétrico criado a partir do zero

Na última semana, a Ford provocou o público com uma demonstração (veja no vídeo abaixo) que apresenta o impressionante torque da picape elétrica . Um protótipo pode ser visto rebocando 10 vagões de dois andares, carregando 42 modelos atuais do Ford F-150 , pesando 500 toneladas no total e percorrendo uma distância de mais de 300 metros.

A intenção da Ford com essa demonstração é provar que a picape eletrificada pode bater a atual F-150, que possui motor 3.5 l turbo V6 e pode rebocar 293 toneladas. Até o momento, a montadora ainda não divulgou as especificações técnicas de seu futuro EV, anunciado pela primeira vez no início deste ano.

LEIA MAIS: Mercedes visa nova era de carros de luxo ao lançar seu primeiro SUV elétrico

“O que estamos fazendo é mostrar os benefícios do torque de largada do motor elétrico”, disse Linda Zhang, engenheira-chefe da F-150. “O modelo eletrificado será capaz de adicionar novas possibilidades que só são possíveis com um motor elétrico.” A Ford sabe que a Tesla está em seus calcanhares, criando sua própria picape elétrica, e, para acelerar o lançamento da sua a Ford utiliza a tecnologia da Revian, uma start-up de desenvolvimento de veículos.

LEIA MAIS: Scooteres e motos elétricas surgem como opções sustentáveis para serviço e lazer

Investimentos

Rivian cinza
Divulgação
Cobiçada pela Amazon, Ford e General Motors, a starup Rivian promete lançar a picape elétrica R1T em 2020

Recentemente um investimento da Ford de US$ 500 milhões na Revian foi feito para ser mais ágil em adotar essa tecnologia do que tentar adaptar as plataformas destinadas a motores de combustão interna em veículos elétricos de bateria adequados. O modelo conceito da picape Revian R1T tem 659 milhas de alcance elétrico, com habilidades de carga útil e off-road que são no mínimo comparáveis ​​aos modelos somente a gasolina. Faz de 0 a100 km/h em 3 segundos. O preço gira em torno de US$ 60 mil.

Dentro dos planos da picape elétrica , a Ford, por sua vez, planeja gastar US$ 11,5 bilhões para produzir mais de uma dúzia de modelos eletrificados até 2022. Sem dúvida, uma grande reviravolta do posicionamento da marca que começa com o seu veículo líder de vendas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários