Renault Mégane eVision
Divulgação
A Renault afirma que o Mégane eVision elétrico representará uma nova era da marca


A Renault é líder em eletrificação na Europa. A montadora diz que se "dedica à mobilidade elétrica de hoje e de amanhã". Esta semana, realizou um evento virtual para apresentar o Renault Mégane eVision — um hatchback elétrico sofisticado que será lançado em 2021. Também mostrou o econômico Spring Electric, o possível futuro Kwid EV.


Segundo a empresa, a Mégane eVision representa um "novo capítulo na história da marca". No momento, é um show-car inovador que "não é apenas visionário, mas também aspiracional". O modelo é baseado na nova plataforma modular CMF-EV exclusiva para carros elétricos.

O Mégane EV trará uma das baterias mais finas e leves do mercado. Ele estará equipado com um motor elétrico de 160 kW alimentado por uma bateria de 60 kWh. Segundo a empresa, o modelo será capaz de carregar rapidamente em CC (corrente-continua) até 130 kW em poucos minutos, além de ter um carregador rápido integrado para uma carga de 22 kW.


O trem de força é ultracompacto o que permite oferecer mais espaço interno. Tem linhas dinâmicas e suas características gerais são sofisticadas. Destaca-se a assinatura de iluminação que acentua o visual moderno do carro.

Para a Renault, o Mégane EV rompe com os códigos existentes dos veículos elétricos no que diz respeito ao uso, tamanho e design, bem como à eficiência energética. "É um veículo de amanhã que logo se tornará realidade", ressalta a montadora.

Atualmente, a Renault faz parte do grupo Alliance que inclui marcas como Nissan, Mitsubishi e Dacia. Um dos objetivos principais é compartilhar plataformas e o desenvolver tecnologias, em particular, para os carros elétricos.

No mesmo evento, denominado "Renault eWays", foi mostrado o Dacia Spring Electric, um novo EV de baixo custo. A Renault afirma que será "o carro elétrico urbano de menor preço do mercado na Europa".

Ele é equipado com um motor elétrico de 33 kW de potência, com uma bateria de 26,8 kWh e deve atingir 225 km de alcance. O Spring Electric tem um formato de um SUV pequeno e baixo peso com um "bom espaço interno, um motor elétrico simples e confiável", resume a empresa.

Atualmente, as montadoras européias buscam desenvolver modelos EV urbanos de menor preço para tornar a mobilidade elétrica mais acessível. O Spring, por exemplo, deverá ter um preço em torno dos US$ 12.000. Por aqui, poderá ser lançado como Renault Kwid EV.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários