Tamanho do texto

Conheça detalhes do SUV da marca chinesa, que chega ao Brasil como um modelos mais em conta do segmento hoje em dia

Um carro bonito, bem feito e barato. Esta é a arma que a Caoa adotou no lançamento do Chery Tiggo 2, o novo SUV da nova marca brasileira, Caoa Chery, lançado recentemente no mercado nacional. Apesar de ter origem chinesa, o que entorta o nariz de muita gente, o Tiggo 2 tem a “mão” dos engenheiros da Caoa, que há muitos anos já fabrica modelos Hyundai no Brasil, principalmente em se tratando de acabamento.

LEIA MAIS: Sérgio Habib fala tudo sobre a nova JAC no Brasil. Assista ao vídeo

O Chery Tiggo 2 , que não tem nada a ver com o antigo modelo que no passado foi vendido no Brasil, é o primeiro automóvel da nova marca, fabricado na planta de Jacarei, interior de São Paulo, que foi erguida pela Chery mas recentemente comprada pela Caoa. E atrás do Tiggo 2 ainda virão três novos modelos, sendo dois SUVs, tudo ainda neste ano de 2018.

Os carros chineses melhoraram muito nos últimos tempos e isso é facilmente notado no novo Tiggo, que chega com preços altamente competitivos, com a versão de entrada não custando mais de R$ 60.000. Bate de frente com outro SUV chinês, o Jac T40, que para fazer frente ao seu concorrente, esta semana lança o modelo com câmbio automático CVT. O Tiggo 2 automático vai chegar mais para a frente, ainda no primeiro semestre.

LEIA MAIS: Aceleramos o Toyota RAV4 híbrido que será vendido no Brasil

Entre os grandes destaques do Tiggo 2 estão os seguintes:  a altura do solo, que é uma das mais alta entre os SUV´s (186 mm), espaço interno amplo, conteúdo tecnológico, design, qualidade e um pacote funcional que vai ao encontro das expectativas dos consumidores brasileiros.

Mais detalhes do SUV

Chery Tiggo 2: SUV feito no Brasil tem visual moderno, bons equipamentos e parte de R$ 59.990
Cauê Lira/iG Carros
Chery Tiggo 2: SUV feito no Brasil tem visual moderno, bons equipamentos e parte de R$ 59.990

O Tiggo 2 está disponível em duas versões, equipadas com motor Chery de 1.5l, com 4 válvulas por cilindros e comando de válvulas variável. Alimentação bicombustível e sistema de partida a frio elétrico. A potência do propulsor é de 115 cv (com etanol). Seu torque máximo é de 14,9 kgfm a 2.700  rpm (etanol).

Inicialmente, o modelo está disponível em duas versões com transmissão manual: Look e ACT. A versão Look conta com ar-condicionado, pacote elétrico completo, rodas de liga-leve 16", ISOFIX, sensor de estacionamento traseiro, DRL (luz diurna de rodagem) e entre outros itens. Já a ACT, além de todas as opções oferecidas na versão Look, traz teto solar, central multimídia -  com espelhamento de celular Android e IOS -, controle de estabilidadee de tração, assistente de partida em rampa, volante multifuncional em couro, piloto automático, ar-condicionado automático, entre outros itens.

LEIA MAIS: Ford EcoSport Storm é a nova aposta entre os aventureiros

Outro destaque do Chery Tiggo 2 são suas medidas, além de toda modernidade e tecnologia a bordo, seu espaço interno proporciona conforto aos passageiros devido às dimensões do carro: o excelente entre-eixos de 2.555 mm, os 1.570 de altura e os 1.760 mm de largura, que permitem acomodar com conforto cinco ocupantes. O SUV tem 4.200 mm de comprimento, com porta malas de 420 litros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.