Tamanho do texto

O Volvo parte de Itajaí (Santa Catarina) e vai até Newport (Rhode Island). Junto ao carro, sairá uma regata, que chegará ao mesmo tempo, após 20 dias

Uma viagem de 18 mil quilômetros entre Brasil e Estados Unidos, de carro, acompanhando uma regata transoceânica. É isso que pretende fazer o jornalista e aventureiro Cacá Closet, a bordo do mais recente lançamento da Volvo no Brasil, o SUV XC40. O carro foi apresentado na cidade de Itajaí (SC) durante a passagem da Volvo Ocean Race, a maior regata do mundo que percorre vários continentes durante quase um ano inteiro.

LEIA MAIS: O Tcheco Skoda Kamiq antecipa detalhes do novo SUV VW T-Cross

Um dos pontos de parada da competição é o porto de Itajai. De lá, a Ocean Race parte para Newport, em Rhoad Island, nos Estados Unidos, em uma etapa de 20 dias, sem parar. O desafio de Cacá Closet, juntamente com dois fotógrafos no Volvo XC40, é ir até a cidade norte-americana por terra, saindo juntamente com a regata e chegando no mesmo tempo.

LEIA MAIS: Volvo XC40: SUV compacto sueco chega para ditar novos paradigmas 

São 18 mil quilômetros de Itajai até Newport, próximo a Boston, atravessando toda a América do Sul, começando pelo Paraguai. Depois atravessa da Colômbia para o Panamá (único trecho que o carro embarca em um navio), América Central até o México e chega na costa atlântica dos Estados Unidos. No total o trio cruzará 14 países com as mais diversas e adversas condições de estradas.

LEIA MAIS: Volvo XC60 R-Design: O SUV sueco atinge sua melhor forma

Recordista

Volvo XC40 que será usado na viagem não terá nenhuma mudança. Apenas vai carregar um estepe extra no porta-malas
Divulgação
Volvo XC40 que será usado na viagem não terá nenhuma mudança. Apenas vai carregar um estepe extra no porta-malas

Cacá Clauset, experiente piloto com um recorde no Guiness Book (travessia das Américas de carro, em 2001, do norte do Alasca até o Ushuaia, no extremo sul do continente, cumprido em 18 dias, 1 hora e 11 minutos).

Na Volvo Ocean Race, essa é uma das poucas pernas que permitiriam uma ousadia dessa: cruzar a América do Sul até a América do Norte de carro acompanhando o deslocamento da regata.

LEIA MAIS: Volvo anuncia chegada da nova perua V60 ao Brasil no segundo semestre

Uma parada em Cartagena, na Colômbia, para transportar o XC40 ao Panamá. Até então, o grupo terá vencido 8.254 km e passará a enfrentar a burocracia para exportar o carro para o Panamá. O tempo corre contra o trio, que terá que vistoriar o automóvel e lacrar um contêiner para transportá-lo de navio pelo Estreito de Darien Gap. A previsão é de que isso tudo leve uma semana para retomar a viagem.

Do Panamá a expedição segue por Costa Rica, Nicarágua, Honduras, El Salvador, Guatemala, México e, finalmente, Estados Unidos, numa extensa faixa de asfalto de 7.540 km pela Costa Oeste até Newport, em Rhoad Island. Assim, para cumprir a expedição, o trio terá de rodar cerca de 1.300 km por dia.

Acompanhando Cacá Closet no Volvo XC40, estarão os jornalistas Caio Salles e Israel Coifman. O longo trajeto será um grande desafio tanto para eles, quanto para a regata, que tem a programação de chegar ao destino final exatamente ao mesmo tempo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.