Tamanho do texto

Novidades vão muito além do visual. Confira o que mais mudou na minivan da Chevrolet nas imagens do vídeo abaixo

A nova Chevrolet Spin 2019 foi lançada e já está no mercado. Com um novo design, dianteiro e traseiro,passou a ter aspecto mais moderno. Agora ficou um carro bonito por fora. Também melhorou muito por dentro. Perdeu aquele painel minúsculo que parecia de motocicleta e ganhou o painel do novo Tracker. Bonito e funcional.

LEIA MAIS: Rodamos com o Mercedes-Benz Actros, pesadão com tecnologia de esportivo

O único modelo nacional de automóvel para até sete lugares, acessível ao grande público, é a Chevrolet Spin 2019 . Mas, desde o seu lançamento, apesar de ser um carro prático, sempre foi considerado feio. Recebeu vários apelidos, como cara de capivara, geladeira com retrovisor, etc. Neste período também foi lançada uma versão chamada Activ, com o estepe pendurado na tampa traseira. Ficou pior. Um monovolume metido a off-road. Além de dificultar o acesso ao porta-malas, a General Motors teve problemas com muitos clientes devido ao barulho que fazia. Mas, o carro agora é outro.

A Chevrolet insiste em chamar a Spin de crossover, mas na verdade o seu estilo é meio indefinido. Mas, seguramente, é um carro muito família. Nas filas nas portas de colégios nos horários de saída de alunos, o que  mais se vê são Spin dirigidas pelas mães das crianças.

O modelo agora tem sete configurações, sendo duas inéditas: uma automática em versão mais acessível e uma aventureira com opção se sete lugares e a segunda fileira de bancos deslizante é outra novidade.

LEIA MAIS: Lifan X80: você pagaria R$ 130 mil num carro chinês?

Nova Spin amplia lista de equipamentos de segurança e comodidade; aprimoramentos incluem nova calibração de motor, transmissão e suspensão para melhor conforto, desempenho e dinâmica veicular.

A Spin chega com importantes alterações no design externo e no acabamento da cabine. Tudo para oferecer sofisticação que combine com o novo estilo de vida do consumidor que busca um veículo multifuncional.

Conhecido por seu espaço interno, o modelo de maior sucesso comercial da Chevrolet ganha também mais versatilidade e conforto a bordo com a adição de soluções tecnológicas inovadoras para a categoria e aprimoramentos no conjunto mecânico para melhor dinâmica e segurança veicular.

Versões

Chevrolet Spin 2019 passa a ter linhas mais modernas, mas conjunto mecânico continua sem mudanças
Divulgação
Chevrolet Spin 2019 passa a ter linhas mais modernas, mas conjunto mecânico continua sem mudanças

A versão renovada da Spin estreia em quatro opções de acabamento (LS, LT, LTZ e Activ) divididas em sete configurações, sendo duas inéditas: uma versão mais acessível com transmissão automática e uma aventureira com opção de sete lugares. Outra novidade é a segunda fileira de bancos corrediça.

O capô ganha maior inclinação, privilegiando também a aerodinâmica. Os faróis mais afilados e com opção de luz de condução diurna em LED ajudam a criar um aspecto tecnológico, em harmonia com os inéditos contornos do para-choque.

A traseira também foi totalmente remodelada. O carro agora traz um aerofólio esculpido na parte superior da tampa, que ganhou janela com contornos mais envolventes, nicho central para a fixação da placa e lanternas mais alongadas e bipartidas, como na maioria dos utilitários esportivos urbanos.

Outra novidade é a opção da terceira fileira de bancos para a versão aventureira do Spin, denominada Activ7, em referência ao número máximo de ocupantes que o veículo pode transportar. Os dois assentos extras podem ser rebatidos para ampliar o volume de carga.

Nas configurações de cinco lugares do Novo Spin o porta-malas de 710 litros pode chegar 756 litros com a segunda fileira de bancos toda avançada, quase o dobro da capacidade ante alguns rivais.

LEIA MAIS: Audi Q8 será uma das atrações da marca no Salão do Automóvel

O Novo Spin é equipado com o recém-atualizado motor Flex 1.8 ECO de até 111 cavalos de potência e 17,7 kgfm de torque e transmissão automática ou manual de seis marchas. O conjunto motriz também foi refinado na linha 2019 para o funcionamento suave.

A nova calibração da transmissão automática deixou as trocas de marcha mais lineares e quase imperceptíveis, aproveitando ao máximo o alto torque do motor. O resultado se reflete também no desempenho da Chevrolet Spin 2019 no dia a dia, com melhora de aproximadamente até 1 segundo nas provas de arrancada e retomada de velocidade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.