Para fazer uma boa compra é preciso fazer muita pesquisa e utilizar os recursos disponíveis na internet
Divulgação
Para fazer uma boa compra é preciso fazer muita pesquisa e utilizar os recursos disponíveis na internet


As medidas restritivas para combater a Covid-19 impactaram bastante todos os setores. Com o automotivo não foi diferente. Ao menos dez montadoras paralisaram sua produção ao longo deste ano, abrindo passagem para uma movimentação maior no segmento de seminovos e usados.

Segundo o presidente da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), o mercado de usados superou a movimentação do mercado de novos no último mês de 2020, e a demanda deve continuar aquecida em 2021. Os usados com 1 a 3 anos de fabricação representaram 14,6% do total negociado no mês de dezembro, e 13,4% no acumulado de 2020.

Mesmo que o momento seja propício para a compra/venda , é preciso buscar as melhores oportunidades na hora da comercialização. Veja a seguir cinco dicas de como fazer bons negócios:

1 – Amplie o perímetro

E locais onde existem várias lojas os preços costumam ser mais competitivos  pela livre concorrência
Divulgação
E locais onde existem várias lojas os preços costumam ser mais competitivos pela livre concorrência

Existem estados onde os veículos são mais em conta. Isso acontece, primeiramente, porque – segundo a Constituição Brasileira – cada estado tem autonomia para definir os seus impostos , por isso eles variam de acordo com a lei tributária estadual.

A diferença de preço também acontece devido ao número de concessionárias e à concorrência. Algumas cidades grandes, com muitas lojas e concessionárias concorrentes, têm preços mais competitivos . É preciso atenção, pois existem custos extras para quem adquire veículos em locais mais distantes, como o de transporte.

Se o comprador preferir dirigir o carro novo até sua casa, antes é preciso ir até o Detran do local de origem do carro e solicitar uma autorização para andar pelas ruas e rodovias sem sofrer restrições.

2 – Carros para empresas e produtores rurais são mais baratos

para conseguir comprar um carro com os benefício da venda direta é preciso cumprir uma série de  requisitos
Divulgação
para conseguir comprar um carro com os benefício da venda direta é preciso cumprir uma série de requisitos

Quase todas as montadoras brasileiras oferecem condições especiais para quem quer comprar carros com desconto por meio do CNPJ . O benefício está disponível para microempresários, autônomos com firma aberta e microempreendedores individuais (MEI).

No caso do produtor rural, é preciso ter sua atividade formalizada para conquistar os benefícios da venda direta. Algumas concessionárias pedem a apresentação do IPTR (Imposto sobre Propriedade Territorial Rural) e outros documentos.

A desvantagem de comprar carros mais baratos direto da fábrica – tanto para quem possui CNPJ, como para produtores rurais – é o prazo de entrega dos veículos, que pode variar entre 10 e 40 dias.

Vale lembrar: por conta da pandemia, esses prazos podem ser bem maiores. O pós-venda é outro ponto que muda de acordo com a marca escolhida. Algumas fábricas diminuem o tempo de garantia por considerar que o automóvel terá maior desgaste que um veículo de passeio .

Você viu?

3 – Carros para PcD (Pessoas com Deficiência) têm descontos

Levar um carro para PCD com isenção de impostos também requer cumprir várias exigências
Divulgação
Levar um carro para PCD com isenção de impostos também requer cumprir várias exigências

Esses veículos são destinados a quem tem limitações físicas para locomoção e direção e precisa de automóveis minimamente adaptados a essas condições, com câmbio automático obrigatório.

Como se trata de um veículo voltado a um público específico, o processo de compra envolve etapas que devem ser cumpridas rigorosamente para garantir que o carro será vendido a alguém que realmente necessita desse benefício: é preciso ser portador de alguma das doenças ou deficiências contempladas pelo programa e obter uma CNH específica , entre outras exigências.

4 – Comprar carros em leilão de veículos

Comprar carro de leilão exige muitos cuidados e o todos os riscos são do próprio comprador
Divulgação
Comprar carro de leilão exige muitos cuidados e o todos os riscos são do próprio comprador

Na maioria das vezes, automóveis de leilão são aqueles que foram apreendidos devido à falta de pagamento de taxas e multas por seus antigos donos, ou carros envolvidos em acidentes.

É possível comprar carros abaixo da tabela que sofreram pequenos danos no transporte entre o fabricante e as concessionárias , ou até mesmo automóveis roubados e recuperados, que podem ter sido utilizados na prática de crimes.

Em todas essas situações, a redução no preço compensa o alto risco do comprador , já que esses automóveis são vendidos no estado em que se encontram e devem ser pagos à vista, bem como todas as despesas com o veículo são de responsabilidade de quem o comprou.

5 – Promoções de lojas e concessionárias

Pátios cheios no fim do mês é um sinal de que o comprador pode conseguir bons descontos
Divulgação
Pátios cheios no fim do mês é um sinal de que o comprador pode conseguir bons descontos

Com as vendas de veículos novos em baixa por conta da crise sanitária acarretada pela Covid-19, os pátios das concessionárias estão cheios, e isso dá maior poder de negociação para quem está pensando em como comprar carros baratos, principalmente pagando à vista.

Queimas de estoque, ofertas-relâmpago, ações sazonais, carros com ano de fabricação diferente do ano-modelo e outras ofertas pontuais são ótimas chances para conseguir uma boa compra.

Visitar as lojas ou concessionárias no final do mês também é uma dica de como comprar carros abaixo da tabela. Durante esse período, a tensão por bater metas aumenta e os vendedores acabam oferecendo preços reduzidos para fechar as vendas mais rapidamente.

Ao que parece, cada vez mais pessoas concordam que adquirir um carro novo é sinônimo de perda de dinheiro, principalmente por conta da depreciação elevada nos primeiros anos de uso.

Tudo indica que o segundo dono tem mais benefícios ao comprar um veículo com pouco tempo de estrada por um valor muito menor do que pagaria por um zero-quilômetro. Além disso, as revisões dos seminovos tendem a ser mais baratas (alguns até contam com garantia de fábrica) e carros usados de categoria superior, mais completos, podem ter preços equivalentes – ou até melhores – do que carros novos mais simples.

A verdade é: comprar um carro seminovo depende de muita pesquisa e dos critérios na hora de avaliar o automóvel, mas já existem formas modernas e convenientes de fazer um excelente negócio com carros usados de qualidade e boa procedência, principalmente em plataformas de vendas disponíveis na internet.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários