A instalação do motor V6 da picape exigiu um certo trabalho. Porém o esforço valeu a pena em todos os sentidos
Renato Bellote
A instalação do motor V6 da picape exigiu um certo trabalho. Porém o esforço valeu a pena em todos os sentidos

Eu já falei algumas vezes aqui na coluna sobre o swap e o conceito de restomod . Em bom português é a boa e velha troca da mecânica de um carro por outro, um motor mais forte ou mais moderno. É uma prática comum para ganhar desempenho mantendo, de certa forma, a originalidade do propulsor.

Mostramos recentemente, há questão de duas semanas, um Corcel que recebeu toda um motor 1.8 , um trabalho extremamente bem feito. Seguindo a mesma linha hoje, eu trago pra vocês esse belo Ford Maverick 1974 que traz toda a mecânica e câmbio, incluindo também a parte elétrica, de uma Ford Ranger 1996. O resultado não poderia ser melhor.

A primeira coisa importante para salientar é que este veículo pertence ao o mesmo dono há muitos anos. Ele tem uma oficina especializada em carburação e cuidou de todos os detalhes. Mas o que chama atenção, em especial, foi a restauração completa do carro , dos detalhes da pintura até o interior seguindo o padrão original.

A instalação do motor V6 da picape exigiu um certo trabalho. Porém o esforço valeu a pena. O resultado ficou perfeito, tanto em termos visuais no cofre do motor , quanto na parte dinâmica, com destaque para o desempenho, silêncio a bordo e detalhes de acabamento. 

Você viu?

Evandro, o proprietário, queria um carro para poder viajar e percorrer longas distâncias. Ao mesmo tempo ele não queria abrir mão de um clássico. E o Maverick veio a calhar, trazendo um estilo clássico dos anos 70 com a personalidade que qualquer apaixonado por carro gosta de ver em um automóvel.

A confiabilidade mecânica do carro já foi testada em algumas ocasiões com viagens de mais de 500 km de distância com toda a segurança e comodidade. Um detalhe visual que chama a atenção, além da tonalidade da carroceria, é o jogo de rodas 17 polegadas. Visual perfeito para um belo projeto.

Guiar o modelo da Ford com quase 50 anos de história e coração novo foi uma experiência muito divertida. O câmbio , mesmo da Ranger , traz cinco marchas e um bom escalonamento.

Isso permite arrancadas mais bruscas e na quinta marcha uma tranquilidade notada no conta giros que permite longos períodos de estrada curtindo a música do moderno sistema de áudio. Sem dúvida nenhuma um restomod de respeito.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários