Tamanho do texto

Versão mais em conta do hatch passa a ter novas calotas, lentes dos faróis com molduras escurecidas e outro revestimento nos bancos

Chevrolet Onix 2019, na versão Joy, agora tem lentes escurecidas nos faróis e novas calotas entre as mudanças
Divulgação
Chevrolet Onix 2019, na versão Joy, agora tem lentes escurecidas nos faróis e novas calotas entre as mudanças

A GM anuncia a chegada da versão Joy do Chevrolet Onix 2019. As novidades começam pelos faróis com molduras escuras e elementos cromados. Além disso, as lanternas traseiras passam a ter acabamento fumê, as calotas recebem novo desenho e as colunas têm adesivos decorativos entre as mudanças adotadas pela marca norte-americana. O preço de tabela da versão Joy do Onix agora parte de R$ 44.590.

LEIA MAIS: Por que o Chevrolet Onix vende muito mais do que todos os rivais

Ainda na lista de novidades do Chevrolet Onix 2019 , na versão mais em conta Joy, destaca-se a chave canivete, que segue o mesmo padrão das demais versões do Onix e a preparacão do sistema de som com alto-falantes dianteiros, antena no teto e fiação com conectores tipo Plug&Play para a instalação de acessórios originais, como o novo multimídia, o Smart Media Joy. Conta com TV digital, tela sensível ao toque, espelhamento para celular (Android e IOS) e entrada para câmera de ré.

O conjunto mecânico continua sem mudanças. O hatch compacto com motor 1.0, de quatro cilindros, que rende 80 cv cv e câmbio manual, de seis marchas. Detalhe interessante é que, embora seja uma versão básica, o carro vem com monitoramento da pressão dos pneus para ajudar na eficiência energética, uma vez que a falta de calibragem é um fator que prejudica bastante o consumo de combustível. De acordo com o Inmetro, o Chevrolet percorre, com gasolina, 15,2 km/l na estrada e 12,8 km/l na cidade. Com etanol, as médias são 10,5 km/l e 8,7 km/l, respectivamente.

LEIA MAIS: Chevrolet Onix LTZ 2019: confira todos os detalhes da renovação

Novo motor do Onix, só em 2020

Depois do Chevrolet Onix 2019, a nova geração do hatch terá o protótipo FNR-X como fonte de inspiração
Divulgação
Depois do Chevrolet Onix 2019, a nova geração do hatch terá o protótipo FNR-X como fonte de inspiração

A fábrica de motores da GM em Joinville (SC) se prepara para começar a fabricar os novos motores 1.0, de três cilindros, a partir do ultimo quadrimestre de 2019 para começar a equipar uma nova geração de modelos da marca americana cujo primeiro integrante deverá aparecer em 2020.

De acordo com a marca, serão produzidos 1.500 motores por dia, que resulta no total de 420 mil unidades por ano. O número é bem maior que os 120 mil que a Chevrolet produz atualmente no Complexo Industrial. Ainda a fabricante, serão empregados cerca de 400 funcionários diretos. A nova área no Complexo Industrial de Joinville é de 46.000 m², o que totaliza 61.800 m², contanto com a parte já existente.

LEIA MAIS: Veja os 5 hatches compactos mais espaçosos do Brasil hoje em dia

O montante anunciado para a fábrica de Joinville faz parte dos R$ 13 bilhões que a Chevrolet implementará no País até 2020. Em agosto do ano passado, a marca revelou que R$ 1,4 bilhão seriam investidos na unidade de Gravataí (RS), onde é feito do Chevrolet Onix 2019 e o sedã Prisma. Três meses depois, veio outro investimento de R$ 4,5 bilhões, dessa vez para o Complexo de São Caetano do Sul (SP), compreendendo a renovação das linhas Cobalt e Spin. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.