Tamanho do texto

Nova versão do SUV chega ao Brasil junto com o GLC 300 Coupé. Mas isso é apenas o começo. Haverá vários outros modelos no Brasil em 2020

Mercedes GLC 220d branco arrow-options
Divulgação
Mercedes GLC 220d tem mais autonomia na estrada entre as vantagens na comparação com as versões movidas a gasolina

A Mercedes-Benz apresentou os novos SUVs GLC nas versões 220d (diesel) e 300 Coupé (gasolina), que acabam de chegar ao Brasil, respectivamente, a partir de R$ 294.900 (no pacote Off-road), R$ 329.900 (no pacote Enduro) e R$ 362.900 (versão única). Os Mercedes GLC são os primeiros entre os modelos maiores a trazer as tecnologias que estrearam no Classe A, no fim do ano passado. Além disso, a fabricante nos garantiu que, em breve, vão dar mais detalhes sobre a chegada dos GLE, GLB e os SUVs da divisão esportiva AMG, que será no ano que vem.

LEIA MAIS:  Novo Mercedes-Benz GLB é revelado por completo, com sete lugares

Por fora dos novos Mercedes GLC, destacam-se o novo desenho da grade, dos faróis, das molduras dos pára-choques, as novas saídas de escape e a nova assinatura das lanternas traseiras. No interior, as principais novidades ficam por conta do volante multifuncional e do console redesenhados, bem como o quadro de instrumentos, que agora é digital (12,3 polegadas) e do novo sistema multimídia sensível ao toque (10,25 polegadas), que agora oferece a tecnologia de comando de voz MBUX da Mercedes-Benz.

Enquanto isso, também vem com câmera de ré, detector de pontos cegos, alerta de mudança de faixa, faróis full LED, controle de cruzeiro adaptativo, airbag para os joelhos do motorista e outros. A opção de topo Enduro adiciona pacote de estacionamento com câmera 360° e assistente de manobras, além de frisos com a inscrição “Mercedes-Benz” iluminados, corretor de posição em relação às faixas, teto solar panorâmico, acabamento interno em madeira preta fosca, estribo lateral, carregador sem fio para celulares e som Burmester com 13 alto falantes, 590w de potência e efeito surround.

Para a versão Coupé, os itens são projetados pela divisão esportiva AMG, como rodas de 20 polegadas e suspensão esportiva. Todos os seus equipamentos são os oferecidos na versão de topo Enduro, da variante não cupê.

 LEIA MAIS: Mercedes GLA 45 AMG: um aventureiro endiabrado

Os GLC Off-Road e Enduro, que têm o nome de 220d 4Matic, vem sempre equipados com o novo motor 2.0 turbodiesel, de 194 cv e bons 39 kgfm entre 1.600 e 2.800 rpm. Segundo a Mercedes declara, aceleram de 0 a 100 km/h em 7,9 segundos e chegam aos 215 km/h de velocidade máxima (limitada eletronicamente).

Já o GLC 300 Coupé 4Matic gera 258 cv e 37,7 kgfm, a partir de seu motor 2.0 turbo a gasolina. Os números de desempenho ficam nos 6,3 segundos de 0 a 100 km/h e 240 km/h de velocidade final (limitada eletronicamente). Ambos os SUVs são equipados com câmbio automático 9G-Tronic, de 9 marchas.

Ao volante do Mercedes GLC 220d

Mercedes GLC 220 d arrow-options
Divulgação
Quadro de instrumentos do Mercedes GLC 220d é todo digital e configurável, entre as novidades

Nos testes oferecidos pela Mercedes-Benz, compostos por auto-estradas, estradas sinuosas e de terra, não tivemos a oportunidade de testar o modelo 300 Coupé; apenas o 220d na versão de topo Enduro. Como o esperado para um carro dessa categoria, o SUV é muito bem acabado. E mesmo que a identidade conservadora do visual esteja mantida — totalmente livre de exageros, seja por muitas telas, botões ou linhas extravagantes — se deu a liberdade de adicionar atributos mais modernos, como novos contornos, texturas e materiais para os painéis das portas, central e console.

A posição de dirigir é totalmente ajustável por comandos elétricos — que inclui ajuste de lombar — e é fácil de se acomodar. Sem falar da boa ergonomia, que dispõe os recursos sempre à mão. Além disso, o sistema de conectividade evoluiu muito em relação a geração anterior. Está muito mais fácil e intuitivo acessar os recursos, seja pelo toque, pelos pads no volante, pelo manete sensível ao toque no console central ou pelo comando de voz — que a qualquer momento, ocupará toda a interface logo que ouvir a palavra “Mercedes”.

Por outro lado, seria muito mais fácil se a marca desistisse dos vários cabos que vêm junto ao carro — servindo de adaptador para os plugues USB — e colocasse a entrada padrão no console.

Mercedes GLC arrow-options
Guilherme Menezes/iG
Mercedes GLC 300 Coupé ao lado do GLC 220 d. Dois dos vários novos SUVs que a marca terá no Brasil em breve

Ao volante, de fato, quase não se percebe o ruído do motor diesel. Isso se deve a uma combinação de plástico e borracha na composição dos coxins, que reduzem bem a vibração e o ruído decorrente dela. Se falar do acabamento acústico, que também mostrou eficiente. Apenas em velocidades mais altasé que deixa escapar um pouco do ruído do vento.

Algo que não foi tão empolgante foi a sua aceleração. A Mercedes declar bons 7,9 segundos de 0 a 100 km/h, mas o velocímetro poderia subir mais rápido ao descer o “pé no porão”, bem como a resposta logo que se pisa no acelerador, que poderia ser mais imediata.

LEIA MAIS: Mercedes visa nova era de carros de luxo ao lançar seu primeiro SUV elétrico

Entretanto, o SUV é extremamente confortável tanto no off-road, quanto no asfalto. Apesar disso, entrega firmeza em curvas mais ousadas, mesmo que passe a sensação de que se está em um veículo alto e de grande porte. Vale destacar a atuação dos assistentes de faixa, que sempre estavam ali se o carro chegasse perto de “comer” faixa, endurecendo a direção para que ele não avançasse mais.

FIcha técnica :

Mercedes-Benz GLC 220d 4Matic (Diesel)

Motor: 2.0 turbodiesel de 194 cv e 39 kgfm

Aceleração (0-100 km/h): 7,9 segundos

Velocidade máxima: 215 km/h (limitado eletronicamente)

Comprimento total (mm): 4.656

Largura (mm) 1.890

Altura (mm): 1.644

Distância entre-eixos (mm): 2.873

Tanque (litros): 66

Capacidade do porta-malas (litros): 550

Preço: Off-Road (R$ 294.900) ; Enduro (R$ 329.900)

Ficha técnica

Mercedes-Benz GLC 300 Coupé 4Matic (Gasolina)

Motor: 2.0 turbo de 258 cv e 37,7 kgfm

Aceleração (0-100 km/h): 6,4 segundos

Velocidade máxima: 240 km/h (limitado eletronicamente)

Comprimento total (mm): 4.732

Largura (mm): 1.890

Altura (mm): 1.602

Distância entre-eixos (mm): 2.873

Tanque (litros): 66

Capacidade do porta-malas (litros): 500

Preço: R$ 362.900