Renault Sandero e Logan
Divulgação
Renault Sandero e Logan passam a ter nova plataforma, visual completamente novo e dose extra de sofisticação entre as mudanças


Depois das primeiras imagens divulgadas no início deste mês, agora é a vez de conhecer por inteiro os novos Sandero, Logan e Stepway. Os três modelos, que são vendidos na Europa como Dacia, a marca romena da Renault, e estreiam completamente renovados nesta terceira geração, trazendo novidades como a opção do câmbio CVT e um novo pacote tecnológico.


Os três modelos abandonam a antiga plataforma B0, usada desde a primeira geração, e passam a ser montados sobre uma variação mais simples da base modular CMF do atual Renault Clio. Apesar da simplificação, um dos destaques da terceira geração da família Sandero é o pacote de tecnológico, que traz itens inéditos nos três modelos como frenagem autônoma de energência operada por radar e monitor de pontos cegos.

Itens que se somam a uma lista com controle eletrônico de estabilidade, faróis de LED, assistente de partida em rampas e airbags laterais e de cortina, central multimídia, ar-condicionado automático, faróis com acendimento automático e sensor de chuva. A partir de 2021, a relação de equipamentos irá ganhar ainda opções como teto solar e assentos dianteiros aquecidos.


O espaço interno, que já era um dos pontos de destaque, ficou ainda mais amplo na terceira geração. Além dos 12 cm a mais na largura, a Dacia destaca que houve um ganho de 4,2 cm no espaço para as pernas dos passageiros do banco traseiro.

Os Sandero/Stepway ganharam ainda 8 litros de espaço no porta-malas (328 litros), enquanto no Logan esse ganho foi de 18 litros (528 litros). O interior foi totalmente renovado. Ganhou vários elementos vindos do novo Duster, além de plásticos e revestimentos de melhor qualidade.

A família Sandero  passa a trazer apenas o motor 1.0 de três cilindros a gasolina, da família SCe. A opção aspirada desenvolve 65 cv e pode ser combinado ao câmbio manual de cinco marchas. Há ainda o um 1.0 turbo de 90 cv, que pode receber um câmbio automático CVT, e um turbo de 100 cv, compatível com gasolina e GLP (gás liquefeito de petróleo) e câmbio manual de seis marchas.

    Veja Também

      Mostrar mais