Tamanho do texto

Smart Vision EQ Fortwo Concept é autônomo, e um estudo sobre o futuro dos carros até 2030. Saiba mais detalhes do modelo conceitual

Fortwo Smart Vision EQ anda sozinho, ao dispensar interferência para rodar por aí. Poderá virar realidade em dois anos
Divulgação
Fortwo Smart Vision EQ anda sozinho, ao dispensar interferência para rodar por aí. Poderá virar realidade em dois anos

O Salão de Frankfurt de 2017 será marcado pela apresentação de diversos modelos elétricos. A BMW apresentará o novo i3, enquanto a Mini mostrará o estudo sobre um compacto elétrico previsto para surgir em meados de 2019. Aproveitando o embalo, a Smart anuncia que também terá um conceito elétrico no evento. E dessa vez, ele é autônomo!

LEIA MAIS: BMW i3 aparecerá em Frankfurt com nova versão esportiva

A Smart sempre quis estar na vanguarda das evoluções tecnológicas do mercado, e afirma que o novo conceito Vision EQ Fortwo estará em Frankfurt para mostrar como a marca imagina que os carros serão até o fim da próxima década: conectados, compartilhados, autônomos e elétricos.

O design foi concebido com base em uma “bola de vidro com rodas”, para aprimorar o espaço interno. No conceito, a grade frontal dá lugar a um painel que pode reproduzir mensagens. Isso melhora a comunicação, uma vez que a intenção da Smart é que proprietários do modelo de produção compartilhem o carro entre si.

Por dentro não ha comandos como volante, acelerador e pedal de freio. Apenas uma tela grande embutida no painel
Divulgação
Por dentro não ha comandos como volante, acelerador e pedal de freio. Apenas uma tela grande embutida no painel

Entrar em um carro e não encontrar volante ou pedal de freio é algo muito difícil de imaginar, mesmo com toda a tecnologia embarcada. Mesmo assim, a Smart optou por removê-los do conceito, que é 100% autônomo, e focar em uma grande tela customizável que ocupa toda a extensão do painel. Sua bateria de 20 KwH dispensa cabos, e pode ser carregada por indução.

LEIA MAIS: Carro elétrico popular da Volkswagen chegará em meados de 2020

Pequeno e dinâmico, o Fortwo é ideal para a cidade grande. Não há informações sobre quando o Vision EQ pode se transformar em um carro de produção. Até 2022, a marca quer ter mais de dez carros elétricos em sua linha.

Longe do Brasil

A Smart chegou ao Brasil em 2009, e fez muito sucesso pelo caráter curioso de seus carrinhos, além do consumo de cair o queixo. A instabilidade política e a crise econômica, entretanto, fizeram a Smart encerrar suas atividades por aqui em 2013. Apesar da Daimler, responsável pela Mercedes-Benz no Brasil, dizer que a marca não está 100% fora dos planos, o futuro da Smart por aqui é cada vez mais incerto.

LEIA MAIS: Andamos com o curioso elétrico Renault Twizy nas ruas de São Paulo

Na Europa, a Smart oferece opções de duas e quatro portas. Por aqui, apenas o Fortwo, de duas, foi vendido com motor de três cilindros, turbo ou aspirado. Além disso, também chegaram algumas unidades com capota de tecido, removível. 

Desenho futurista inclui cantos arredondados, lanternas traseiras elevadas e boa área envidraçada
Divulgação
Desenho futurista inclui cantos arredondados, lanternas traseiras elevadas e boa área envidraçada


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.