Tamanho do texto

Novo modelo deverá entrar no lugar do CLA e poderá chegar ao Brasil no ano que vem. Saiba mais detalhes da novidade da marca alemã

Mercedes Classe A:  sedã começa a ser vendido na China, no segundo semestre, mas chegará a outros mercados en seguida
Divulgação
Mercedes Classe A: sedã começa a ser vendido na China, no segundo semestre, mas chegará a outros mercados en seguida

Uma das novidades do Salão de Pequim (China), que abrirá suas portas para a imprensa amanhã (25) será o Mercedes-Benz Classe A Sedan, modelo que deve substituir o CLA. Mostrado primeiramente na versão com entre-eixos alongado, o novo sedã começará a ser vendido no mercado chinês a partir do segundo semestre. No Brasil, a chegada da novidade está sendo esperada para o ano que vem. 

LEIA MAIS: Mercedes-Benz revela o novo Classe A, que será mostrado no Salão de Genebra

Pelas primeiras imagens do novo Mercedes Classe A Sedan divulgadas pela fabricante é possível notar que, na comparação com o CLA, a capota menos inclinada deverá favorecer o espaço para quem for sentado no banco traseiro. Além disso, a frente mais arrojada lembra a do novo sedã CLS e confere um ar mais esportivo e moderno ao carro que se parece bem com o protótipo, exceto por detalhes como as maçanetas retráteis, trocadas por modelos convencionais.

 No caso da versão alongada do Classe A Sedan, a distância entre-eixos é de 2,73 metros, o comprimento é de 4,61 m, 1,80 m de largura e 1,46 m de altura. No porta-malas, vão até 420 litros de bagagem, de acordo com a fabricante alemã sediada em Ingolstadt. 

Entre os principais equipamentos, o Classe A Sedan conta com a mesma central multimídia do hatch, com tela de 12,3 polegadas, luz ambiente com mais de 64 cores disponíveis, saídas de ar no formato de turbinas, além de rodas com aro entre 16 e 19 polegadas montados em largos pneus de perfil baixo. 

LEIA MAIS: BMW  Série 1 Sedan é e apresentado oficialmente em evento na China

Na China, o Classe A Sedan será vendido com motor 1.3, de quatro cilindros, feito de alumínio, disponível com 136 cv ou 163 cv. Em seguida, vem o 2.0, de 190 cv. As duas versões podem ser acopladas ao câmbio automatizado, de dupla embreagem, de 7 marchas. 

Nova geração de compactos premium

Volvo S40: versão conceitual antecipa como será o modelo de produção que deverá ser apresentado em 2019
Divulgação
Volvo S40: versão conceitual antecipa como será o modelo de produção que deverá ser apresentado em 2019


Além do novo Classe A Sedan, haverá a nova geração do Audi A3 Sedan, cujo lançamento na Europa está sendo esperado para o ano que vem, com apresentação no Salão de Frankfurt (Alemanha), em outubro de 2019. Deverá ter, inclusive, uma versão Sportback, seguindo o estilo notchback, como a atual geração do Honda Civic.

LEIA MAIS: Audi lança o renovado A3 Sedan Ambition 2.0, que pode ter painel digital

Outro rival do Mercedes Classe A Sedan é o BMW Serie 1 Sedan, que é vendido apenas na China e não tem previsão de mudar de geração, nem a ideia de voltar a ter tração traseira. E a Volvo prepara reviver a sigla S40 com um novo sedã compacto, que tem chances de aparecer no fim do ano que vem, com várias tecnologias, inclusive sistema semi-autônomo, que dispensa o motorista em algumas situações no dia a dia do trânsito, tanto na cidade quanto em trechos rodoviários.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.