Tamanho do texto

SUV recebe poucas novidades, mas mostra qualidades, como o rodar confortável e a valentia ao enfrentar obstáculos urbanos no dia a dia

Jeep Renegade Sport 2019 recebeu apenas detalhes como as rodas de aro 17 oferecidas como opcionais
Carlos Guimarães/ iG
Jeep Renegade Sport 2019 recebeu apenas detalhes como as rodas de aro 17 oferecidas como opcionais

Bastaram alguns retoques no desenho e a inclusão de novos equipamentos para que o Jeep Renegade 2019 voltasse a ganhar apelo diante dos rivais. É o que mostram os primeiros números de vendas do ano, em que o SUV da Jeep aparece como o modelo mais vendido do segmento, com 2.343 unidades na primeira quinzena de janeiro, de acordo com a Fenabrave (Federação dos Distribuidores de Veículos). Em segundo lugar, aparece o Nissan Kicks (1.922), seguido pelo Hyundai Creta (1.616).

LEIA MAIS:  Ford EcoSport Storm, com tração integral, encara o rival Jeep Renegade

 No caso da versão avaliada, a mais em conta da linha (Sport), as novidades são ainda mais escassas: apenas uma entrada USB para quem vai sentado no banco traseiro, rodas de liga-leve de aro 17 oferecidas como opcional e refletores na parte lateral da dianteira na cor branca no lugar da laranja da linha 2018. Fora isso, o Jeep Renegade 2019  , na versão básica Sport, continua sem mudanças, o que parece que não incomodou boa parte de quem estava pensando comprar um SUV compacto no começo do ano.

De qualquer forma, o Jeep Renegade Sport da linha 2019 ainda se mantém bem atual e com estilo que caiu no gosto do brasileiro. Um dos pontos que foram melhorados fica por conta do tamanho do porta-malas. Quando o SUV compacto foi lançado, tinha 260 litros. Depois, com mudanças nos revestimentos passou para 273 e, com a inclusão do estepe temporário, no início de 2018, atingiu os atuais 320 litros.

Ainda é um espaço pequeno para um SUV compacto e levando em conta a maioria dos principais concorrentes, como o Honda HR-V (437 litros) e Nissan Kicks (432 litros). Em contrapartida, além de estiloso, o Renegade se mostra confortável no dia a dia com uma suspensão que consegue absorver bem as irregularidades do piso e manter boa estabilidade nas curvas mesmo com um considerável vão livre do solo de 21,5 cm.

LEIA MAIS: Conheça 5 SUVs seminovos que valem a pena até R$ 60 mil

O isolamento acústico também parece ter recebido atenção no Renegade Sport 2019. Pelo menos na unidade avaliada o SUV rodou em silêncio e sem vibrações indesejáveis em qualquer situação, mesmo pisando mais forte no acelerador. O motor 1.8 flex não é dos mais modernos e ainda há certa falta fôlego nas retomadas e acelerações. São razoáveis 19,2 kgfm de torque a 3.750 rpm, o que exige alguma cautela nas ultrapassagens. 

Mais detalhes sobre o Jeep Renegade Sport 2019

Jeep Renegade 2019 continua com a central multimídia de apenas 5 polegadas. De novo, apenas entrada USB traseira
Divulgação
Jeep Renegade 2019 continua com a central multimídia de apenas 5 polegadas. De novo, apenas entrada USB traseira

Na versão avaliada, o câmbio automático de seis marchas mostrou ter relações bem escalonadas e trocas sem trancos, mas um pouco hesitante, o que prejudica o desempenho. Como o Renegade Sport é o mais simples, não há hastes atrás do volante para trocas sequenciais e uma série de outros itens. Os bancos são revestidos de tecido e a central multimídia tem tela pequena, de apenas 5 polegadas.

LEIA MAIS: Jeep Renegade 2019: como nasce o SUV? Assista ao vídeo

Jeep Renegade Sport 2019 continua sem mudanças nas lanternas traseiras, ao contrário da versão vendida na Europa, com LED no lugar das lâmpadas convencionais
Divulgação
Jeep Renegade Sport 2019 continua sem mudanças nas lanternas traseiras, ao contrário da versão vendida na Europa, com LED no lugar das lâmpadas convencionais

Como opcional, a Jeep oferece os seguintes pacotes de equipamentos:  Pack Protection (R$ 680, com protetor de cárter e protetor para-barro dianteiro e traseiro), Pack Landscape (R$ 2.336, com barras transversais no teto e estribos laterais), bancos revestidos parcialmente em couro (R$ 2.199), Pack Bike (R$ 1.550, com barras transversais em alumínio, adesivo de capô e lateral e suporte de bike de teto), Pack Áudio (R$ 3.400, com central multimídia com tela de 6,2 polegadas, Bluetooth, GPS, DVD player, TV digital e câmera de ré) e rodas de liga-leve exclusivas de 17 polegadas (R$ 1.000).

Embora seja confortável e silencioso, na questão do consumo o Jeep Renegade Sport 2019 é somente mediano. De acordo com os números do Inmetro, SUV faz 7,5 km/l na cidade e 8,3 km;l na estrada com apenas etanol no tanque, dados que passam para 10,9 km/l e 12,3 km/l com gasolina, respectivamente.  Apenas quando a FCA resolver oferecer no Brasil novo motor 1.3 turbo, dfisponível na Europa, é que o carro ficará mais econômico.

Conclusão

O Jeep Renegade 2019 mudou pouco e menos ainda na versão Sport avaliada. Mesmo assim, o carro continua com bom apelo no mercado, além de rodar com conforto e segurança. Apesar disso, pede um motor mais eficiente que o atual 1.8 para manter sua posição de destaque entre os SUVS compactos mais vendidos do Brasil. A chegada de novos concorrentes, como o VW T-Cross, deverá dificullat a vida do SUV da marca americana. 

Ficha técnica

Preço:  a partir de R$ 78.490

 Motor: 1.8, quatro cilindros, flex

Potência : 139 cv (E)/135 cv (G) a 5.750 rpm

Torque: 19,3 kgfm (E) / 18,7 (G) a  3.750 rpm

Transmissão:  Automático, 6 marchas, tração dianteira

Suspensão:Independente (dianteira e traseira) 

Freios: Discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira

Pneus: 215/65 R16 

Dimensões: 4,24 m (comprimento) / 1,79 m (largura) / 1,73 m (altura), 2,57 m (entre-eixos)

Tanque : 60 litros

Porta-malas: 320 litros 

 Consumo: 10,6 km/l (cidade) /12,3 km/l (estrada) com gasolina

0 a 100 km/h: 9,9 segundos 

Vel. Max: 183 km/h 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.