Nissan Kicks e Jeep Renegade: melhoras no modelo da marca japonesa foram bem-vindas, mas o rival também mudará
Caue Lira/iG
Nissan Kicks e Jeep Renegade: melhoras no modelo da marca japonesa foram bem-vindas, mas o rival também mudará

Não é a primeira vez que a escolha das versões acabam influindo no resultado de um comparativo. Dependendo do pacote de equipamentos e do conjunto mecânico, um carro pode ser mais interessante que outro, mas apenas em certa configuração, como foi o caso do Nissan Kicks e do Jeep Renegade, ambos da linha 2021.

Se escolher a versão Advance com o pacote Pack Plus do Nissan Kicks (R$ 108.390) e comparar com o Jeep Renegade Night Eagle (R$ 107.225) o pareo não será fácil,mas o SUV da marca japonesa acaba ficando com uma ligeira vantagem, como veremos a seguir, basicamente, por causa o maior espaço no porta-malas e do menor consumo de combustível, tomando como base os dados do Inmetro.

Nunca tinha visto o Nissan Kicks renovado de perto e, embora não tenha mudado muito, o resultado agradou. Na cor bordô da unidade avaliada, ficou melhor ainda, já que a barra que resolveram instalar na traseira entre as duas lanternas acabou ficando mais discreta e combinando mais com o conjunto. Também gostei dos contornos fumês e da reforma da parte da frente com faróis estreitos e estilo arrojado.

O Jeep Renegade continua quase com o mesmo visual de sempre, a não ser que opte por alguma versão a partir da Longitude para ter faróis e lanternas apenas de LED, além de rodas diferentes. Porém, o desenho do Jeep já caiu no gosto do brasilero, tanto é que o carro é o líder de vendas no segmento de SUVs compactos. E não foi o visual que pesou na balança no final das contas, mas o tamanho do porta-malas, de apenas 320 litros, ante 432 litros do rival da Nissan.

Não foi à toa que a Jeep deu aos seus clientes a opção do pacote Night Eagle , sem o qual haveria uma lacuna de quase R$ 20 mil entre a Sport básica (R$ 101.601) e a Longitude (R$ 120.215). Portanto, quando o assunto é pacote de equipamentos, existe um certo equilíbrio entre as duas versões escolhidas de Renegade e Kicks , com uma ou outra vantagem em ambos os lados.

No Kicks, a Nissan oferece partida por botão, entradas USB dos tipos A e C no console central e Sem Parar (para passar nos pedágios e cancelas de shopping) entre as principais diferenças. E o Jeep tem freio de estacionamento eletrônico (botão no lugar da alavanca), sistema stop/start e entrada USB convencional para quem vai no banco traseiro.Contudo, mesmo com o recurso para economizar combustível o Nissan gasta menos, conforme o Inmetro.

Considerando os tanques sempre com etanol, que está valendo mais a pena hoje em dia em São Paulo, o Kicks pode fazer 7,6 km/l na cidade e 9,3 km/l na estrada, ante sofríveis 6,4 km/l e 8 km/l do Renegade, respectivamente, de acordo com o Inmetro . A única questão é que o tanque o Nissan é bem menor, de 41 litros, ante 60 litros do rival, o que acaba dando maior autonomia ao Jeep, de 384 km em trechos urbanos e 480 km em rodoviários, contra 312 km e 381 km do Kicks.

Nissan Kicks 2022: poucas mudanças no interior, que recebeu apenas melhorias na central multimídia
Divulgação
Nissan Kicks 2022: poucas mudanças no interior, que recebeu apenas melhorias na central multimídia

No dia a dia, o que atrapalha no desempenho do Nissan é o câmbio CVT, mesmo com a função "Sport" acionada por um botão bem discreto, na própria alavanca. Embora não haja tranco entre as trocas de marcha, a experiência de tentar adotar uma tocada mais animada ao volante do Kicks CVT não é das melhores.

Por isso, fica claro que a vocação do Kicks é rodar com conforto e sem pressa nas acelerações e retomadas. Mas, como tem menor área frontal (2,38 m² ante 2,59 m²), menos peso (1.136 kg e 1.550 kg) e suspensão bem acertada, o Nissan tem boa agilidade e firmeza nas curvas. No Jeep, o motor 1.8 flex é o "calcanhar de Aquiles", por ter eficiência abaixo do ideal no equilibrio entre consumo e desempenho.

Não será dessa vez que o Jeep Renegade vai receber o novo motor 1.3 turbo flex, que a FCA começa a fabricar em Betim (MG). Isso deverá acontecer apenas em 2022. Por enquanto, o carro continua sendo oferecido com o 1.8 E.torQ, de 139 cv e 19,2 kgfm de torque a 3.750 rpm.  No Nissan, o 1.6 também é bem conhecido e com fôlego modesto: 114 cv e 15,5 kgfm a 4.000 rpm.

Jeep Renegade Night Eagle:  SUV terá nova central multimídia na linha 2022, que chega no final do primeiro semestre
Divulgação
Jeep Renegade Night Eagle: SUV terá nova central multimídia na linha 2022, que chega no final do primeiro semestre

Ambos os SUVs compactos contam com rodas de aro 17, com pneus com perfil ligeiramente mais baixos no Nissan (205/55R ante 215/60R do Jeep), o que também ajuda um pouco nas curvas. Nas manobras, os dois têm direção com assistência elétrica, sensores no para-choque traseiro e câmera de ré para ajudar. A dupla também conta com volantes de três raios, de boas empunhaduras, mas no Renegade é mais complicado lidar com os 18 botões, incluindo os que ficam na parte de trás.

Conclusão

Dessa vez, o Nissan Kicks sai com uma ligeira vantagem em relação ao Jeep Renegade, principalmente, por ter mais espaço no porta-malas e gastar menos. As mudanças no visual da linha 2021 agradaram, bem como a qualidade do sistema de som, mesmo na versão intermediária.

Para dar o troco, o rival da Jeep também precisa de novidades. E uma delas deverá ficar por conta do novo motor turbo flex que está chegando na linha da FCA. Além disso, o carro receberá central multimídia com acesso à internet via 4G, que começa a chegar às lojas no fim deste mês.

Ficha técnica

Nissan Kicks Advance Pack Plus

Preço: a partir de R$ 108.390

Motor: 1.6, quatro cilindros, flex

Potência: 114 cv a 5.600 rpm

Torque: 15,5 kgfm a 4.000 rpm

Transmissão: Automático, CVT, simula seis matchas, tração dianteira

Suspensão: Independente, McPherson (dianteira) / Eixo de torção (traseira)

Freios: Discos ventilados (dianteiros) / tambor (traseiros)

Você viu?

Pneus: 205/55 R17

Dimensões: 4,30 m (comprimento) / 1,76 m (largura) / 1,59 m (altura), 2,61 m (entre-eixos)

Tanque: 41 litros

Porta-malas: 432 litros

Consumo etanol: 7,6 km/l (cidade) / 9,3 km/l (estrada)

0 a 100 km/h: 11,8 segundos

Velocidade máxima: 175 km/h

Ficha técnica

Jeep Renegade Night Eagle

Preço: a partir de R$ 107.225

Motor: 1.8, quatro cilindros, flex

Potência : 139 cv (E)/135 cv (G) a 5.750 rpm

Torque: 19,3 kgfm (E) / 18,7 (G) a 3.750 rpm

Transmissão: Automático, 6 marchas, tração dianteira

Suspensão:Independente (dianteira e traseira)

Freios: Discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira

Pneus: 235/45 R19

Dimensões: 4,24 m (comprimento) / 1,79 m (largura) / 1,73 m (altura), 2,57 m (entre-eixos)

Tanque : 60 litros

Porta-malas: 320 litros

Consumo: 6,4 km/l (cidade) /8 km/l (estrada) com gasolina

0 a 100 km/h: 11,1 segundos

Vel. Max: 182 km/h

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários