Ioniq 6 é novo sedã elétrico de submarca da Hyundai que chega para brigar com Tesla S e companhia
Divulgação
Ioniq 6 é novo sedã elétrico de submarca da Hyundai que chega para brigar com Tesla S e companhia

A Hyundai revela seu novo sedã elétrico, o Ioniq 6, sendo esse o segundo lançamento da submarca Ioniq, focada em carros elétricos do segmento Premium.

Assim como o 5, o Ioniq 6 traz um visual muito próximo a de um conceito já apresentado pelos coreanos, nesse caso, foi o Prophecy, revelado em março de 2020.

O novo Ioniq chama a atenção pelo caimento do teto digno de cupê esportivo, e afirma o compromisso da submarca da Hyundai com a ousadia, ao levar para as linhas de produção seus modelos com desenho pouco convencionais no mercado automotivo atualmente.

Na traseira, a iluminação possui um desenho pixelado, que será a marca registrada da Ioniq segundo a Hyundai, e dá a impressão de futurista, ao sedã e ainda conta com dois aerofólios, um possui um LED na extremidade e lembra o dos Porsche Turbo da década de 1970, e outro acima das lanternas.

Na dianteira, o design é bem simples, os faróis são grandes e com as luzes diurnas seguindo o padrão pixelado, o para-choque possui entradas de ar “escondidas”, e um sensor no centro.

Na cabine, o desenho é minimalista e moderno, e possui duas telas de 12 polegadas, uma para o sistema de infotenimento e outra para o painel de instrumentos, e também, há duas telas adicionais, no canto do painel que servem como retrovisores digitais, sistema similar ao do Audi E-tron .

A porta é bem limpa, e possui apenas os puxadores, nichos porta-objetos e filetes de LED que possuem 64 cores e 6 temas pré-definidos para ambientar a cabine do Ioniq 6 .

Diferente do Ioniq 5 , que não havia um console central, apenas um porta-copos, o 6 já possui um design mais tradicional neste sentido, e conta com o console, que segundo as imagens parece ser bem espaçoso e possuir os comandos para vidros elétricos, por exemplo.

A Hyundai não divulgou muitas informações sobre o Ioniq 6, até as imagens de divulgação parecem ter sido limitadas pela fabricante, e não há muitas informações técnicas até o momento.

O que se sabe é que o Ioniq 6 será fabricado na plataforma E-GMP, que também deriva o Ioniq 5 , Kia EV6 e Genesis GV60 e possui estrutura de carregamento de 800 volts, uma das mais poderosas do mercado de veículos elétricos atualmente.

Nesses veículos, são oferecidas baterias de 58 ou 77.4 kWh, em versões de tração traseira ou integral, com potências variando entre 168 e 577 cv.

As autonomias mudam de acordo com modelo e potência dos motores, mas no caso do Ioniq 5 , na versão de longo alcance, suas baterias fazem até 480 km com apenas uma carga.

O Hyundai Ioniq 6 deve chegar às lojas coreanas e européias no ano que vem, e além do Tesla Model S , irá enfrentar modelos como Volkswagen ID.Aero , BMW i4 , e indica que o segmento de sedãs, pelo menos elétricos, esteja sendo reaquecido.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários