Na comparação com o mesmo mês do ano passado, redução do total vendido foi de 22,9%

Mercado vendeu 852 mil veículos a menos em 2015
Divulgação
Mercado vendeu 852 mil veículos a menos em 2015

As vendas de automóveis e comerciais leves tiveram uma redução de 7,6% em abril em relação a março, de acordo com os números divulgados pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). Foram 141.613 unidades vendidas no mês passado ante 153.246 do anterior. Mas houve queda bem maior, de 22,9%, se compararmos o total de abril último com o mesmo mês de 2015, quando foram vendidas 183.764 veículos.

A reportagem de iG Carros esteve na coletiva de imprensa da Anfavea e, de acordo com o novo presidente da entidade, Antônio Megale, “a retomada das vendas dependem de medidas claras do ponto de vista sócio-econômico. E devemos começar a ter sinais mais claros e consistentes a partir do fim do ano e o início de 2017”.  “ O governo precisa se preocupar com a indústria. Precisa ter mais atenção, já que o papel do setor industrial na economia tem diminuído nos últimos anos. Precisamos ter a nossa voz”, completou o executivo.

Ainda conforme Megale, a ociosidade das fábricas de automóveis e comerciais leves está em torno de 50% atualmente e as de veículos pesados já ultrapassa dos 70%. “Tudo depende de estabilidade e previsibilidade adequada para se ter uma indústria forte. Já fomos o quarto maior mercado do mundo e podemos voltar a esse patamar e até superá-lo, finalizou o novo presidente da Anfavea.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.