Agora mais próximo de um SUV, modelo passa por reforma completa, o que inclui a nova plataforma e mudanças no visual

A Peugeot mostra as primeiras fotos e informações oficiais da nova geração do 3008, que recebe a nova base EMP2 e desenho completemente novo, tanto por dentro quanto por fora. Aliás, o interior é o primeiro a adotar uma série de conceitos futuristas, como botões acionados com um leve toque, luz ambiente, tela de 12,3 polegadas no lugar do quadro de instrumentos e outra de 8 polegadas para o sistema multimídia.

Com a nova plataforma, o 3008 ficou cerca de 100 kg mais leve que a geração anterior e apesar de ter apenas 4,45 metros de comprimento, a distância entre-eixos ficou 8 centímetros maior, o que contribui com o espaço interno, inclusive no espaço do porta-malas cuja capacidade aumentou em 90 litros, chegando nos 520 litros.

No conjunto mecânico há dois motores a gasolina (1.2 de 130 cv e 1.6 de 165 cv), ambos turbinados e outros quatro a diesel (entre 100 e 180 cv), que podem funcionar com câmbio manual ou automático, sempre de seis marchas.

Entre os equipamentos disponíveis, um dos destaques fica por conta do scooter ou da bicicleta,  elétricos e dobráveis, feitos para serem guardados perfeitamente no porta-malas do 3008 . Além disso, enquanto o carro roda, vai carregando as baterias de ambos.

No quesito segurança, a Peugeot oferece de série itens como alertas para veículos em pontos cegos e de colisão iminente e frenagem de emergência, controle de velocidade de cruzeiro (“piloto automatico”) adaptativo e sistema que ajuda a estacionar.

O Peugeot 3008 será uma das atrações da marca no Salão de Paris (França), em setembro e começa a ser vendido na Europa no fim do ano. No Brasil, a fabricante ainda não há informações de quando o carro sera lançado, mas estima-se que não deverá desembarcar antes do segundo semestre de 2017.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.