Recall vai trocar os airbags defeituosos da Takata que equipam os modelos da L200 Triton produzidos entre 2007 e 2010

Mitsubishi L200 Triton
Divulgação/Mitsubishi
Mitsubishi L200 Triton

A Mitsubishi entra para a lista de empresas realizando um novo recall para trocar os airbags defeituosos da Takata, com a convocação de 29.014 unidades da picape L200 Triton . As unidades afetadas, fabricadas entre junho de 2007 e dezembro de 2010, são equipadas com um airbag que pode disparar fragmentos metálicos contra os passageiros.

A marca pede que os proprietários das L200 Triton produzidas entre junho de 2007 e dezembro de 2010, e com numeração final de chassi não-sequencial de 00001 a 30009, entrem em contato com uma concessionária para agendar a troca. Para mais informações, acesse o site da Mitsubishi , envie um e-mail para sac@hpeautos.com.br ou pelo telefone 0800 702 0404 .

Os airbags da Takata utilizam um componente químico chamado nitrato de amônia para inflar a bolsa. Uma investigação feita nos EUA  descobriu que o material é danificado com o tempo e com a umidade e passa a funcionar com mais força do que o ideal. Caso o airbag seja ativado nessa situação, existe o risco de romper a carcaça do insuflador, projetando os fragmentos na cabine.

Essa falha acontece com todos os airbags produzidos pela Takata, motivo pelo qual estão aparecendo tantos recalls envolvendo o equipamento e é um dos maiores escândalos da indústria automotiva . A Honda  já confirmou a convocação de 21 milhões de carros no mundo todo  e 325 mil veículos estão no Brasil . A Nissan também já fez uma nova convocação nacional, de 33 mil unidades da picape Frontier .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.