Sistema dispara alarme caso seja detectado que estacionaram indevidamente no local reservado

Câmera monitora vaga reservada  e chega a disparar alarme caso encontre alguma irregularidade
Divulgação
Câmera monitora vaga reservada e chega a disparar alarme caso encontre alguma irregularidade

Para evitar que as vagas reservadas para portadores de  deficiências físicas sejam ocupadas corretamente, a Intelbras desenvolve a câmera VIP E3250Z. De acordo com a fabricante, o equipamento dispara um alarme quando detectar uma atividade que foge da programação do aparelho. Isso gera economia e direciona recursos humanos para onde são realmente necessários.

Um dos recursos do dispositivo é chamado de “Cerca Virtual”, já que delimita um perímetro para identificar, por exemplo, quando um motorista estaciona seu veículo em vagas de deficientes ou em locais reservados para veículos de emergência.

LEIA MAIS: Evite furtos no trânsito. Confira dicas de um especialista em segurança

Além disso, a câmera também consegue monitorar uma determininada área para coibir possiveis furtos e roubos de objetos em vários tipos de lugares, como museus, escolas, shoppings e no comércio em geral. Há também outro recurso, a “Linha Virtual”, que monitora uma área e aciona alarme quando  há qualquer ruído incomum no ambiente, como alguém quebrando  vidro para tentar invadir o local.  

LEIA MAIS:  Os 10 carros menos seguros à venda no Brasil

Ainda merecem destaque mais duas funções disponíveis. Uma delas é a “Mudança de Cena”, que emite um alerta ao administrador quando tiram a câmera de posição (que pode ser programado para realizar uma função pré-programada, como disparar uma sirene ou enviar um e-mail com uma "foto" da imagem). E a outra é “Função de Interesse”, que possibilita configurar as áreas da cena que devem receber a melhor definição de imagem.

LEIA MAIS: Fiat oferece prêmio a hackers que detectarem falhas de segurança

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.