Fábrica da Volkswagen é responsável por motores 1.0 e 1.6 da marca. Conheça um pouco da história do complexo no interior paulista

Complexo da Volkswagen em São Carlos produziu 10 milhões de motores em seus 20 anos de vida.
Divulgação/Volkswagen
Complexo da Volkswagen em São Carlos produziu 10 milhões de motores em seus 20 anos de vida.

Em operação desde 12 de outubro de 1996, a fábrica da Volkswagen do Brasil em São Carlos alcançou a marca de 10 milhões de motores produzidos. O complexo, que começou suas atividades com a montagem do motor EA111 1.0 da segunda geração do Gol, atualmente é responsável pela família EA211, tanto na versão aspirada quanto na turbo TSI , que equipa mais da metade dos carros da fabricante.

LEIA MAIS:  Volkswagen Up! TSI já atinge 50% das vendas so subcompacto

O motor de número 10 milhões é um EA211 1.0 TSI, que equipa o recém-lançado Golf TSI 1.0 Comfortline, de 125 cv. O mesmo motor é utilizado no Volkswagen Up! TSI, em outra configuração de potência. Além disso, São Carlos também fabrica os 1.0 MPI , 1.4 TSI e 1.6 MSI , que são utilizados por Up! , Cross Up! , Fox , CrossFox , SpaceFox, Space Cross , Golf , Gol , Voyage , Saveiro e Saveiro Cross . A geração anterior EA111 continua em produção, na forma do 1.6 usado por Gol, Fox , Voyage , SpaceFox e Saveiro .

LEIA MAIS: Elétrico popular da Volkswagen chega às lojas em 2020

“São Carlos tem recebido importantes aportes nos últimos anos, desde 2012 os investimentos totalizarão aproximadamente R$ 900 milhões até 2018”, afirma David Powels, presidente e CEO da Volkswagen do Brasil e América do Sul. “Com isso, a fábrica tem reforçado sua importância dentre as unidades de motores do Grupo Volkswagen e tem contribuído para o sucesso da consolidação da Volkswagen no mercado brasileiro”.

Pioneira

Com três prédios produtivos, dedicados ao EA111, EA211 e usinagem e montagem de cabeçotes, o complexo de São Carlos tem muita história para contar. Foi a primeira fábrica do Brasil a produzir um motor 1.0 com tecnologia bicombustível, em 2003. Também foi a primeira a produzir um motor 1.0 de três cilindros, o que equipou o Fox Bluemotion antes de ir para o Up! em 2014 e, neste ano, para Gol e Voyage .

LEIA MAIS: Volkswagen Gol é o modelo mais registrado em São Paulo

Não abasteceu apenas o Brasil. No final de 2015, a fábrica foi escolhida para exportar blocos 1.0 da família EA211 para a Europa, onde são produzidos os motores do Polo e Up! Recentemente, recebeu um investimento de R$ 460 milhões até 2018, que começou com a produção dos motores TSI, tanto na versão 1.0 quanto 1.4. Outra parte do aporte foi para a preparação para o aumento da capacidade produtiva e a nova linha de virabrequim, que iniciou a operação em 2016.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.