Tamanho do texto

Modelo recebe novo desenho e mais equipamentos, inclusive de segurança. Mas chegada da novidade ao Brasil ainda não está confirmada

Ford Focus: versão esportiva ST-Line vem com motor 2.0 EcoBoost, de 150 cv e câmbio automático de oito marchas
Divulgação
Ford Focus: versão esportiva ST-Line vem com motor 2.0 EcoBoost, de 150 cv e câmbio automático de oito marchas

A nova geração do Focus fica mais leve e avançada, além de oferecer melhores níveis de conectividade e segurança. Além disso, há uma nova linha de motores a gasolina e a diesel. Na Europa, o carro já começa a ser vendido em setembro. Nos EUA, chega em meados de 2019. Mas, no Brasil, a chegada da novidade está indefinida, uma vez que as vendas de hatches médios estão cada vez menores.

LEIA MAIS: Ford Focus Fastback mostra seu tempero esportivo e sofisticado

 As principais mudanças no Ford Focus começam com o desenho totalmente novo, o que tornou a parte aerodinâmica mais eficiente e aumentou o espaço interno, com o entre-eixos 53 mm maior. Além disso, deixaram a cabine mais recuada em relação ao capô, o que contribuiu com o visual mais esportivo.

 São quatro as versões disponíveis: Vignale, ST-Line, Active (com certo apelo aventureiro) e Titanium. A primeira tem entre os destaques os detalhes de alumínio polido, como as soleiras das portas e barras de apoio na capota. No caso da ST, a pegada é mais esportiva, com entradas de ar mais larga, menor distância livre do solo e defletores de ar generosos, como o aerofólio traseiro.

Por dentro, decidiram aumentar a sensação de espaço colocando o painel um pouco mais recuado. Bom também é que capricharam mais no acabamento, com alguns componentes feitos de materiais polidos ou escovados.

Na lista dos dispositivos de segurança e comodidade, há controle de velocidade de cruzeiro adaptativo (ACC), sistema que reconhece placas de trânsito, aviso de mudança indevida de faixa e câmera de 360 graus para ajudar nas manobras de estacionamento. Outra novidade interessante fica por conta dos faróis de LED que se movem conforme a trajetória do carro e mudam do facho baixo para o alto, ou vice-versa, conforme necessário.

LEIA MAIS: Ford Focus chega à linha 2018 com novos opcionais na versão SE

O pacote de equipamentos pode ser incrementado com itens como o sistema que detecta a iminência de colisão, ou pedestres pelo caminho, aviso de ponto cego, assistência para manobras evasivas que podem evitar um acidente. Com isso, a Ford espera que o novo Focus receba nota máxima nos testes de colisão

Mais conectado e eficiente

Embora o desenho do painel seja parecido com o do Ford Focus anterior, acabamento ficou mais caprichado
Divulgação
Embora o desenho do painel seja parecido com o do Ford Focus anterior, acabamento ficou mais caprichado

 Ainda entre os destaques do novo Ford Focus 2019 está o acesso à internet sem fio, com possibilidade de mais de 10 aparelhos serem conectados no interior ou ao redor do carro. Além disso, torna-se possível travar os destravar portas pelo celular, dar a partida remotamente (nas versões com câmbio automático de 8 marchas) e verificar as principais informações sobre o estado do carro, mostradas pelo computador de bordo. O sistema de som foi melhorado e pode chegar a ter 675 watts, 10 alto-falantes e subwoofer no meio do painel.

Como o carro ficou um pouco maior que a geração anterior, o espaço interno também aumentou. Agora, os ocupantes têm 1,42 m de espaço para os ombros e a distância livre entre os joelhos no banco traseiro aumentou 5 cm.

LEIA MAIS: Volkswagen Golf supera rival Ford Focus nas vendas de março. Veja ranking

No conjunto mecânico, uma das novidades é o motor 1.5, de três cilindros, turbo, cuja versão aspirada já está sendo usada no EcoSport vendido no Brasil. Sobrealimentado, chega a ter 150 cv na versão mais potente. Há também outras novas versões, com motor 2.0 EcoBlue, que passam a funcionar com câmbio automático de 8 marchas, bem como o 1.0 EcoBoost e o 1.5 EcoBlue.  Assista ao vídeo oficial do novo Ford Focus 2019. 



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.