Tamanho do texto

Veja 9 acidentes de carro que vão te fazer chorar. De tanto rir!

1. LAMBORGHINI AVENTADOR: Prejuízo de US$ 550 mil

undefined arrow-options
www.liveleak.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares


Esse acidente parece ruim. E realmente é. Minha teoria sobre o início dessa catástrofe automobilística começa há 30 anos. Acho que lá pelos anos 1980 o prefeito de Nova Iorque da época mandou plantar arvores na calçada desta rua em Brooklin. As décadas passaram e o motorista desta Lamborghini Aventador, que não acredita no aquecimento global, resolveu remover uma destas arvores a um custo de 500 mil dólares.

Para sorte dele e da passageira, a fábrica do carro desenhou a Aventador  para, no caso de um impacto em alta velocidade, a célula de proteção da cabine, construída com com fibra de carbono reforçada, se separar do compartimento do motor. Como resultado, nosso assassino de arvores e sua cumplice saíram ilesos deste acidente. A arvore continua no mesmo local.

Ficha técnica: Motor V12 de 6 litros, 700 cavalos, Transmissão manual-automática 4WD de 7 marchas, 0 a 100 km/h em 2,9 segundos, Velocidade máxima: 350 km/h.

2. FERRARI 250 GT CALIFORNIA SPYDER: Prejuízo de US$ 10,8 milhões

undefined arrow-options
www.ferrarilife.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Essa da pena até de contar. Apenas 106 Ferraris 250 GT , como esta, foram feitas entre 1957 e 1963. Para se ter uma noção do tamanho deste cataclisma, mês passado, no dia 11 de março, uma GT 250 Califórnia Spider foi vendida por US$ 17,1 milhões pela empresa de leilões Gooding & Company . O proprietário desta aqui decidiu guardar sua Califórnia Spyder num estacionamento à beira da praia, para, quando sentisse vontade, ter a conveniência de impressionar as mulheres locais. Bom, tem uma mulher que não se impressionou nem um pouco: a Mãe Natureza, que mandou um furacão para a tal praia e depois de fazer o carro capotar varias vezes, o enterrou. Nunca a expressão “Entrou Areia” foi tão apropriada.

Ficha técnica: Motor V12 de 3 litros com 6 carburadores, 240 cavalos. Transmissão manual de 4 velocidades, freios a disco nas quatro rodas, 0 a 100 km/h em 6,3 segundos, Velocidade máxima: 270 km/h  fonte


3. Essa parece mentira, mas não é: oito FERRARIS, uma LAMBO e duas MERCEDES destruídas. Ah, e também tinha um TOYOTA PRIUS. Prejuízo de US$ 5,0 milhões. Sem contar com PRIUS

undefined arrow-options
www.hindustantimes.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Tem coisas que só acontecem no Japão. Essa é uma delas. Ninguém soube explicar e menos ainda entender, o que aconteceu quando cerca de 20 donos de super carros decidiram passear num domingo chuvoso. A coisa já nasce errada aí: passear com super carros na chuva? Para piorar, o limite de velocidade era de 80 km/h (com pista seca) e obviamente os “pilotos” de final de semana estavam a 160 km/h... Para acrescentar insulto na injúria, adivinha para onde os “pilotos” estavam indo? Hiroshima... De qualquer forma, parece que a Ferrari que puxava o comboio derrapou no asfalto molhado, bateu no guardrail e o efeito dominó aconteceu. Fisicamente ninguém se machucou com seriedade, mas muitos egos foram estraçalhados.

Você precisa de mais provas para acreditar que isso aconteceu, né? Veja o vídeo:

fonte

4. MERCEDES-BENZ SLR MCLAREN: Prejuízo de US$ 450 mil

undefined arrow-options
www.telegraph.co.uk
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Para uma desgraça realmente ter aquele sabor especial, tem que envolver mulheres e vingança. Em 2006 Naseem Hamed, um famoso boxeador inglês, estraçalhou sua Mercedes-Benz SLR McLaren a 150 km/h contra o carro de Brian Burgin, que teve todos os ossos do seu corpo quebrados. Naseem foi preso e cumpriu pena de 15 meses. Mas parece que isso não foi suficiente para aplacar a ira de Brian que, meses mais tarde, joga sua Land Rover Freelander contra o Audi Q7 que a esposa de Naseem dirijia, com seus três filhos pequenos dentro. A moça conseguiu desviar e evitar a colisão. O próximo encontro dessa turma foi, novamente, na frente de um juiz.

Ficha técnica: Motor V8 de 5,4 litros, 617 cavalos, Transmissão manual-automática de 5 marchas, 0 a 100 km/h em 3,8 segundos, Velocidade máxima: 332 km/h  fonte

5. MERCEDES-BENZ 300 SL "GULLWING” Prejuízo de US$ 4,6 milhões

undefined arrow-options
www.wreckedexotics.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Carros raríssimos e caríssimos são feitos para rodar, certo? Depende. Se for em condições e locais controlados, talvez. Mas participar da clássica corrida anual Mexicana “La Carretera Panamericana” , onde vários trechos passam dentro de cidades, é o mesmo que andar de mãos dadas com o diabo. O proprietário desta 300 SL deu um passo mais criativo: colocou o capeta dentro da sua Mercedes e deu um PT no carro. A tradução disso em dinheiro é a seguinte: em 2012 uma 300 SL Gullwing de alumínio foi vendida num leilão da Gooding & Comapany  por US$ 4,6 milhões. Tá bom pra você?

A corrida “La Carretera Panamericana” original, começou em 1950 e durou apenas 5 anos, em função do alto número de acidentes e mortes. Em 1988 a prova renasceu. O percurso de 3.200 quilômetros é feito em 7 dias por automóveis produzidos até 1965. Correr em qualquer lugar com um carro insubstituível é loucura. Participar desta corrida Mexicana é insanidade total.

Considerada um dos ícones do automobilismo mundial e representando o que de melhor a Mercedes-Benz sabe fazer, apenas 3.258 Gullwings foram produzidas entre 1954 e 1963.

Ficha técnica: Motor de 6 cilindros em linha, 3 litros, 240 cavalos, Transmissão manual 4 marchas, 0 a 100 km/h em 7,4 segundos, Velocidade máxima: 235 km/h  fonte

6. ASTON MARTIN ONE-77: Prejuízo de US$ 1,7 milhões

undefined arrow-options
www.gtspirit.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Sabe por que esse Aston Martin ONE-77 foi batizado com esse nome? Porque a fabrica decidiu que apenas 77 seriam feitos entre 2009 e 2012. Bom o tempo passou e tá na hora de passar no cartório e mudar o nome dos carros para "ONE-76" , pois o inevitável aconteceu: um deles já foi pro ferro velho. Não se sabe o motivo deste acidente, que aconteceu em Hong Kong, mas pelo estado do carro, seguramente uma velocidade de 3 dígitos foi um fator decisivo. O motorista, que havia comprado o carro recentemente, saiu andando.

Ficha técnica: Motor V12, 7,3 litros, 750 cavalos, Transmissão sequencial de 6 marchas, 0 a 100 km/h em 3,7 segundos, Velocidade máxima: 354 km/h  fonte

7. FERRARI ENZO: Prejuízo de US$ 1,3 milhões

undefined arrow-options
www.latimes.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Essa é sensacional, tem tudo o que gostamos: Uma Ferrari totalmente destruída, polícia, máfia, um motorista bebado, armas, cocaína, cadeia e um banco dizendo que o carro é dele. Vamos aos fatos. Em fevereiro de 2006 Steven Eriksson dirigia uma Ferrari Enzo   tranquilamente a cerca de 260 km/h e bêbado, numa estrada costeira repleta de curvas em Malibu, Califórnia. O que poderia dar errado? Um poste telefônico no acostamento que serrou o carro no meio. Para contextualizar essa história vamos voltar um pouco no tempo. Steven, natural da Suécia, era um alto executivo de uma firma local que o demitiu por envolvimento com a “Uppsalamaffian”, a Máfia Sueca. Ele foi condenado por fraude e falsificação de documentos.

Eriksson se muda então para os Estados Unidos e importa duas Ferraris Enzo e uma Mercedes McLaren SLR que misteriosamente desaparece. Ele diz para a seguradora que foi roubada. Ah tá. Quanto as duas Enzo , parece que ele usou a documentação de uma para importar as duas, um erro segundo ele. Ah tá. Voltando ao acidente, Eriksson disse para a policia que ele era o passageiro. O motorista era um tal de Dietrish, que nunca foi achado. Ah tá.

Nesse ponto a policia local recebe uma ligação do Banco da Escócia dizendo que as duas Ferraris e a McLarem eram de propriedade do banco. Os carros tinham sido financiados na Suécia para Eriksson, que claro, não pagou as prestações. Durante o processo de retomada dos carros pelo banco, Eriksson falsificou os documentos das três super máquinas e as despachou para os Estados Unidos.

Dois meses após o acidente com a Ferrari Enzo , a policia encontra Ericksson no seu apartamento, quando ele se preparava para fugir dos Estados Unidos. A policia apreendeu armas, cocaína e documentos falsos. Ele foi preso e em 2008 deportado para a Suécia, onde foi preso novamente, Adivinha quais as acusações? Posse ilegal de armas, trafico de cocaína e carros roubados. O cara é consistente. Apenas 400 Ferraris Enzo foram feitas entre 2002 e 2009.

Ficha técnica: Motor V12, 6,0 litros, 651 cavalos, Transmissão semiautomática de 6 marchas, 0 a 100 km/h em 3,2 segundos, Velocidade máxima: 355 km/h  fonte

.

8. FORD GT GULF HERITAGE EDITION: Prejuízo de US$ 500 mil

undefined arrow-options
www.foxsports.com
Super Carros - Acidentes Espetaculares

Brasil, Brasil, Brasil! Tava demorando né? Afinal onde tem confusão de gente grande, tem que ter Brasil. No dia 28 de março de 2015 houve um blecaute em algumas quadras do Lago Sul em Brasília. Não, dessa vez não foi culpa da CEB, a Companhia de Eletricidade de Brasilia e sim do motorista deste Ford GT que acelerou na hora errada, freou na hora errada, rodou e acertou um poste de luz. Ele saiu ileso com sua esposa, mas não soube especificar a velocidade que dirigia. Uma dica: o poste de concreto armado foi cortado ao meio.

O GT  não possui controles eletrônicos de aceleração, estabilidade nem de derrapagem, então quando o dono do carro decidiu fazer a sua “power trip” e pisar fundo, o carro respondeu com as rodas traseiras querendo ultrapassar as dianteiras e o nosso conterrâneo passou o controle do GT para as imutáveis leis da física, que foram aplicadas com frieza matemática. CQD. 

Esse Ford GT Gulf é bem raro. Apenas 383 foram feitos entre 2004 e 2006 para comemorar as quatro vitórias consecutivas que os Ford GT40 aplicaram impiedosamente sobre as Ferraris na clássica corrida 24 de Les Mans , de 1966 a 1969. Por isso, ao sair na rua dirigindo o Ford GT Gulf Heritage Edition,  significa que você esta mandando um solene dedo do meio para as Ferraris que passarem por perto.

Ficha técnica: Motor V8, 5,7 litros, 550 cavalos, Transmissão manual de 6 marchas, 0 a 100 km/h: em 3,5 segundos, Velocidade máxima: 330km/h  fonte

9. BUGATTI VEYRON: Prejuízo de US$ 1.6 milhões

undefined arrow-options
www.dailymail.co.uk
Super Carros - Acidentes Espetaculares

A troca de óleo e revisão do Bugatti Veyron  custa mais caro que seu carro: US$ 21 mil, ou cerca de R$80,000.  Não deu pra entender? Que tal o custo para trocar os 4 pneus do Veyron ? São US$ 40 mil, ou cerca R$160.000... Mas mesmo assim tem gente que não dá valor ao que possui. Esse é o caso desse inglês que, uma semana depois de comprar esse  Bugatti , decidiu rodar a 160km/h numa estrada secundária, debaixo de chuva. O cara acertou um Vauxhall Astra dirigido por uma mulher gravida de 7 meses, rodou umas 3 vezes e bateu em várias arvores até sossegar no acostamento. Você já teve aquela vontade de acordar de um pesadelo, apenas para abrir os olhos e ver que não era sonho? Pois é, garanto que o dono deste Bugatti já experimentou esta sensação, por pelo menos uma vez.

Ficha técnica: Motor W16, 8,0 litros, 1.001 cavalos, Transmissão DSG de 7 marchas, 0 a 100 km/h em 2,5 segundos, Velocidade máxima: 407km/h  fonte

Bonus!!! Veja estes 3 vídeos irados de super carros virando super sucatas:

Como lavar um Bugatti Veyron 


Ferrari 250 Testa Rosa de US$ 12,1 milhões no muro



Bater sua Ferrari não é suficiente? Então cai num lago também


Matérias relacionadas:

1) A triste história de um Porsche 918 Spyder leiloado para desmanche

2) Se você é fã de The Beatles, precisa ver este Jaguar E-Type abandonado

3) Os 10 carros clássicos mais incríveis esquecidos em garagens!

4) Os 10 carros mais irados do Salão de Nova York 2016

5) Os 10 Super Carros da Polícia: Nem pense em fugir, são 6.233 cavalos atras de você!