Tamanho do texto

Disputa entre SUVs esquenta com resultado de Kicks, Renegade e Creta. Entenda como está sendo a briga acirrada, segundo os dados da Fenabrave

Mesmo sem a versão de entrada, o Nissan Kicks vendeu apenas 8 unidades a menos do que o Jeep Renegade
Divulgação/Nissan
Mesmo sem a versão de entrada, o Nissan Kicks vendeu apenas 8 unidades a menos do que o Jeep Renegade

A briga pela segunda colocação entre os SUVs compactos está pegando fogo. Segundo os dados divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o Jeep Renegade se manteve na segunda posição, com 3.509 unidades. Só que é seguido muito de perto pelo Nissan Kicks, com 3.501 veículos emplacados. A diferença de apenas 8 unidades configura um empate técnico entre os dois modelos.

LEIA MAIS:  Conheça os 5 SUVs Flex mais econômicos do Brasil, de acordo com o Inmetro

Essa disputa irá ficar ainda mais acirrada. O Nissan Kicks ainda não conta com sua versão mais em conta S.  Atualmente tem apenas a intermediária SV e topo de linha SL, vendidas por R$ 84.900 e 91.900, respectivamente – o lançamento está previsto para abril. Com a chegada do Kicks mais simples, as vendas podem subir o suficiente para ultrapassar o SUV compacto da Jeep nos próximos meses.

Mas pode não ser tão simples assim. Isso porque o Hyundai Creta mostra que irá entrar nessa briga. O SUV coreano ganhou rítmo com a chegada das versões 1.6 nas concessionárias e emplacou 3.487 veículos, o que o deixa na quinta colocação. No entanto, está apenas 14 unidades atrás do Kicks e 22 carros a menos do que o Renegade. Com isso, temos três SUVs compactos brigando para ver qual será o segundo mais vendido do segmento.

A vantagem do modelo da Jeep está no acumulado. Como iniciou 2017 em um ritmo bom e constante (dentro do esperado pelo momento do mercado), contabilizando 9.189 unidades emplacadas desde janeiro. Tanto Kicks quanto Creta tiveram um início mais lento e ganharam velocidade só agora. O utilitário esportivo da Nissan soma 7.560 unidades, enquanto o SUV coreano está com 6.999 veículos emplacados.

LEIA MAIS: 5 SUVs compactos que mais gastam combustível, conforme o Inmetro

Disputar pela vice-liderança é um pouco triste, mas a verdade é que o Honda HR-V parece imbatível. Emplacou 4.317 unidades em março, 808 a mais do que o Renegade. Está acima das 3 mil unidades desde o início de 2017, enquanto o Jeep não chegou a isso em janeiro e fevereiro. Ajudou a se distanciar no acumulado, contabilizando 11.178 veículos vendidos, 1.989 a mais do que o segundo colocado.

Compass x Renegade

As vendas do Renegade são fortemente afetadas pelo Jeep Compass, modelo maior lançado em outubro. Com preços agressivos, a partir de R$ 103.490, e com um bom pacote de equipamentos nas versões mais em conta, acabou por criar uma canibalização maior do que o esperado – ou seja, os clientes deixam de comprar o Renegade para comprar um Compass, como um melhor negócio.

Claro, para a Fiat-Chrysler Automóveis (FCA), isso não é tão ruim. Afinal, estão deixando de comprar um Jeep para comprar outro Jeep. E o Compass foi outro acerto da marca, principalmente no Brasil. É o segundo SUV mais vendido do País, considerando todos os tamanhos. Emplacou 3.985 unidades em março, 476 a mais do que o Renegade. No acumulado, a diferença é significativa: 608 veículos acima do modelo menor.

No resto do pelotão

Antigo líder do segmento, o Ford EcoSport perde cada vez mais espaço nas vendas. É o quinto mais emplacado, somando 5.612 unidades desde o início do ano. Seguiu o ritmo do mercado, elevando suas vendas para 2.217 no mês. Só que é seguido de perto pelo Renault Duster, que contabiliza 5.251 veículos no acumulado. A esperança da Ford é que volte a ter apelo quando for reestilizado, o que irá acontecer apenas em junho.

LEIA MAIS: SUVs partem para briga: Chevrolet Tracker LTZ 1.4 turbo e Hyundai Creta 2.0

O Chevrolet Tracker ainda não consegue conquistar o público. Foi um dos dois únicos modelos que tiveram um resultado pior em março em comparação com fevereiro (o outro é o Mercedes-Benz GLC). Emplacou 470 unidades. Se continuar assim, logo será ultrapassado pelo Renault Captur, lançado em fevereiro e que vendeu 686 veículos em março. A diferença no acumulado é de 695 unidades – 1.844 para o Chevrolet e 1.149 para o segundo SUV compacto da Renault.

Além da disputa acirrada entre Renegade, Kicks e Creta pelo segundo lugar no ranking de vendas, outro destaque no segmento fica por conta da discussão sobre ser um SUV ou não. Com isso, o recém-lançado Honda WR-V é contabilizado como utilitário esportivo pela Fenabrave. Aparece na lista na 19ª colocação geral, com 692 unidades emplacadas em março. É um ótimo resultado, pois o carro chegou às lojas no dia 24, o que o deu apenas uma semana nas concessionárias, somando com as unidades adquiridas em pré-venda.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.