Tamanho do texto

Após anos de espera, Audi irá lançar o Q8, em 2018 e o Q4, no ano seguinte. Confira o que já sabemos sobre os futuros modelos da marca alemã

O Audi Q8 chega em 2018 para ser o maior SUV da marca - e também o mais caro, acima do gigantesco e sofisticado Q7
André Jalonetsky/iG Carros
O Audi Q8 chega em 2018 para ser o maior SUV da marca - e também o mais caro, acima do gigantesco e sofisticado Q7

A BMW estreou o segmento dos SUVs com ares cupê com o X6, desenhado pela equipe do polêmico designer Chris Bangle.  A Mercedes-Benz seguiu a tendência e entrou na briga com o GLE Coupé e, recentemente, com o GLC Coupé. Faltava a Audi lançar algum produto, depois de anos mostrando protótipos. Finalmente, a fabricante confirmou que irá lançar o Q8, em 2018, e o Q4, em 2019.

LEIA MAIS: Audi Q2 volta a ter chances de ser vendido no Brasil, já no ano que vem

Há muito tempo que a Audi  flerta com a ideia de um SUV-Coupé. Mostraram um conceito do Q4 no Salão de Pequim (China), em 2014, batizado como TT Offroad – teve esse nome por aparecer ao lado do cupê esportivo TT. O Q8 é mais atual e apareceu pela primeira vez como um protótipo no Salão de Detroit (EUA), em janeiro deste ano. Em seguida, ganhou uma variação no Salão de Genebra (Suíça), em março.

“Nós iremos integrar dois modelos Q completamente novos à rede de produção existente e, assim, irá aumentar nossa competitividade neste segmento extremamente importante”, declara Hubert Waltl, responsável pela produção e logística da diretoria da Audi. O Q4 será o concorrente direto do BMW X4 e Mercedes-Benz GLC Coupé, enquanto o Q8 ficará como um dos carros mais caros da marca alemã, disputando com X6 e GLE Coupé.

LEIA MAIS: Audi começa a vender o A3 Sedan renovado no Brasil. Saiba mais detalhes

O que sabemos

O futuro Q4 nasceu como Audi TT Offroad, no Salão de Pequim (China), em abril de 2014. Vai brigar com BMW X4
Divulgação/Audi
O futuro Q4 nasceu como Audi TT Offroad, no Salão de Pequim (China), em abril de 2014. Vai brigar com BMW X4

Começarão pelo topo da linha, o Q8. Previsto para 2018, será fabricado em Bratislava (Eslováquia), com a plataforma MLB Evo, usada nos modelos grandes do Grupo Volkswagen, desde Audi A4 ao Q7. Deve seguir o conceito, utilizando um conjunto híbrido composto pelo motor 3.0 V6 TSI e outro elétrico, combinado ao câmbio automático Tiptronic, de oito marchas. A marca dizia que, no conceito, era suficiente para entregar o desempenho de um motor de oito cilindros com o consumo de um de quatro. 

LEIA MAIS: Audi Q3 nacional ganha motor 1.4 turbo flex e fica com mais apelo

Já o Q4 fica só para 2019, fabricado sobre a arquitetura MQB na fábrica em Györ (Hungria), ao lado do A3 e TT. Falando no cupê, seu design deve inspirar o desenho do novo SUV, assim como foi na versão conceitual. Levou um tempo para sair do papel por causa de seu nome: A Fiat-Chrysler era dona dos direitos sobre os nomes Q2 e Q4 e fizeram um acordo para deixar que a Audi batizasse seus modelos assim.  O protótipo tinha motor 2.0 TFSI ,híbrido, de 292 cv.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.