Tamanho do texto

São R$ 1,2 bilhão de investimento na unidade de produção que passará a ter capacidade de produzir 330 mil carro por ano

Fábrica da GM em São Caetano do Sul: expansão e manufatura de última geração para novos modelos a partir de 2020
Divulgação
Fábrica da GM em São Caetano do Sul: expansão e manufatura de última geração para novos modelos a partir de 2020

A principal fábrica da GM do Brasil, em São Caetano do Sul (SP), recebe investimentos de R$ 1,2 bilhão para ampliação da área total para 432 mil m² e a capacidade de produção dos atuais 250 mil unidades para 330 mil anuais. Além disso, a marca terá seis novos modelos que serão lançados a partir de 2020, sobre os quais a fabricante preferiu ainda não comentar nada. Hoje em dia, são feitos dos seguintes carros na linha de montagem: Cobalt, Montana, Onix Joy e Spin.

LEIA MAIS: Chevrolet anuncia investimento de R$ 1,9 bilhão para fabrica de Joinville (SC)

De acordo com o vice-presidente da GM Mercosul, Marcos Munhoz, o complex de São Caetano é o mais antigo da marca e passará a ser uma das fábricas mais desenvolvidas do mundo com manufatura 4.0 que incluiirá novo sistema de acoplamento de sistema mecânico, nova linha de pintura, entre outros itens. Com isso a GM Mercosul vai se tornar uma plataforma de exportação global e se preparar para o crescimento do mercado brasileiro.

Novos motores

Antes de começar a ampliação da fábrica de São Caetano do Sul (SP), a GM do Brasil anunciou investimento do Complexo Industrial de Joinville (SC), onde são feitos motores 1.0 e 1.4, que equipam os modelos das famílias Onix, Prisma e Montana. A partir de julho de 2019, porém, novos motores passarão a ser produzidos para começar a equipar novos modelos que vão chegar ao mercado a partir de 2020.

LEIA MAIS: Chevrolet anuncia investimento de R$ 1,4 bilhão para a fábrica de Gravataí (RS)

Conforme apurado pela reportagem de iG Carros, um entre os novos motores que serão produzidos em Joinville (SC) deverá ser o três cilndros, com base da Opel, marca alemã que foi da GM até ser vendida para o grupo PSA PSA Peugeot Citroën.

Assim como a linha de produção de carros em São Caetano do Sul (SP), a de motores em Joinville (SC) vai ter um bom volume de produção, estimado em 1.500 unidades por dia, ou cerca de 420 mil por ano, bem mais que os 120 mil feitos atualmente.

LEIA MAIS: Fiat Argo 1.3 Drive trava briga acirrada com Chevrolet Onix 1.4 LTZ

No total, a GM vai investir R$ 13 bilhões no Brasil até 2020 para  renovar sua linha de produtos disponível no País. Entre os modelos que deverão ser oferecidos há hatch e sedã (ambos compactos), SUV e picape.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.