Tamanho do texto

Mostrado no Salão de Genebra (Suíça), o sedã esportivo passou pelas mãos dos cientistas malucos da Brabus para transbordar veneno quente

Mercedes-benz E63 AMG Brabus 800: o sedã luxuoso com DNA esportivo agora
Divulgação
Mercedes-benz E63 AMG Brabus 800: o sedã luxuoso com DNA esportivo agora "veste smoking" e chega com brutalidade

A Mercedes-Benz vai trazer ao Brasil, em julho, uma unidade do recém lançado E63 Brabus 800, um sedã fora-de-série com tração integral, direção semi-autônoma, câmbio automático de 9 marchas e 800 cv, que chamou atenção do público no Salão de Genebra (Suíça), que ptermina no próximo dia 18. Saindo por R$ 879.900, o pacote de melhorias inclui mudanças no arrefecimento do motor, dois turbocompressores maiores, programação mais agressiva da injeção e do câmbio, reforços estruturais, freios mais eficientes e reajuste na calibragem do conjunto de suspensão. O resultado de tudo isso são uma aceleração de 0 a 100 km/h em apenas 3 segundos e 300 km/h de velocidade final, limitada eletronicamente.

LEIA MAIS: Mercedes-Benz revela o novo Classe A, que será revelado no Salão de Genebra

O Mercedes-Benz também recebe alterações na aerodinâmica, com itens produzidos em fibra de carbono. Um spoiler dianteiro com adicionais de entrada de ar deixam o visual ainda mais dinâmico, enquanto que um aerofólio e um difusor cumprem o mesmo papel na parte traseira. Segundo os engenheiros da Brabus afirmam, as alterações nesse quesito têm, ainda, a finalidade de conferir mais estabilidade ao E63 Brabus 800. Outro fato curioso é que, remotamente (via 4G), a Brabus atualiza continuamente o software dos ajustes do carro, para que o cliente tenha sempre o melhor funcionamento possível.

LEIA MAIS: Mercedes-Benz GLC Coupé 250 4MATIC agrada pelo design e desempenho

Caso o cliente opte por opções separadas (motor, rodas escapamento e pacote aerodinâmico) existe a versão de 700cv, que possibilita, ainda, a compra dos itens separadamente. Todos os componentes seguem os padrões da OEM e a garantia é de dois anos ou 100.000 km.

LEIA MAIS: Mercedes-AMG faz 50 anos com séries especiais. Veja as fotos

A opção mais “mansa” e em conta

Por R$ 669.900, há a opção que serviu de base para o desenvolvimento da versão Brabus, o próprio Mercedes-Benz E63 AMG. Os que tiverem condições de comprar o "brinquedo" levarão para casa 612 cv e 86,7 kgfm, gerados pelo V8 4.0 biturbo e transmitidos às quatro rodas através do câmbio de dupla embreagem e nove marchas. O desempenho não deixa muito a desejar, pelo contrário, uma vez que vai de 0 a 100 km/h em 3,4 segundos e aos mesmos 300 km/h limitados eletronicamente da versão Brabus.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.