Estamos às vésperas de um grande lançamento que promete balançar o mercado nacional. O Toyota Yaris já está batendo na porta, de olho no sucesso do Volkswagen Polo que hoje ocupa posições de respeito no ranking de vendas. Em sua nova investida, a Toyota o maior núcleo de vendas do Brasil: os hatches compactos. De acordo com a Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos), o segmento representou 27% das vendas gerais entre janeiro e maio.

LEIA MAIS: Audi Q8 aparece em suas primeiras imagens oficiais

Para matar um pouco a curiosidade, a reportagem de iG Carros revela cinco fatos interessantes sobre o novo Toyota Yaris , o modelo que deixará todos os compradores potenciais do Volkswagen Polo na dúvida. Acompanhe.

1 - Sedã e hatch chegam juntos

undefined
Divulgação
Toyota Yaris Sedan: imagem oficial enviada pela fabricante mostra detalhes de como será a versão nacional

Essa estratégia é bem diferente do que foi feito por Fiat e Volkswagen. Primeiro, tivemos os lançamentos dos hatches compactos Argo e Polo, ainda em 2017. No começo de 2018, vieram suas versões sedã, Cronos e Virtus.

A intenção da Toyota é chegar com tudo e apostar nas versões hatch e sedã desde o princípio. Isso já foi confirmado pela marca japonesa, que tentará destronar os dois carros da Volkswagen de uma vez. Atualmente, Polo e Virtus são líderes de seus respectivos segmentos, conforme os dados da Fenabrave.

2 - Um carro mais jovial

undefined
Divulgação
Hatch terá um dos maiores porta-malas da categoria, com cerca de 300 litros de capacidade entre os atrativos

O Yaris poderá reduzir a idade média dos compradores de Toyota. O Corolla, por exemplo, é um carro constantemente associado a homens de meia idade que já “venceram na vida”. Com o novo modelo, a marca poderá abocanhar uma parcela de mercado que não tem o poder aquisitivo necessário para comprar o Corolla, mas que também não se interessa pelo Etios.

LEIA MAIS: Mitsubishi ASX 2.0 revela robustez por trás de projeto maduro

Apesar de todas as suas qualidades, o Etios é visto como um carro muito simples para os padrões da marca japonesa, tanto de acabamento quanto conjunto mecânico. A versão automática, por exemplo, ainda é oferecida com câmbio de quatro marchas. Com as mudanças constantes na categoria dos hatches e sedãs, a Toyota decidiu criar um novo modelo para ocupar a lacuna que existe entre a versão mais cara do Etios e o Corolla de entrada, entre R$ 65 mil e R$ 92 mil.

3 - Novo conjunto mecânico

undefined
Divugalção/Toyota
Motores 1.3 e 1.5, vindos do Etios, vão equipar o novo modelo da marca japonesa fabricado no Brasil

O câmbio automático, de quatro marchas, do Etios, não empolga, mas o modelo manual é um dos carros mais legais para acelerar. Tanto é que a marca utilizará a mesma família de motores do hatch de entrada no Yaris. As mudanças ficam por conta do câmbio, que terá a opção manual de seis velocidades, bem como a versão CVT - conforme revelado pelo nosso colunista Glauco Lucena, do site AutoBuzz .

Espere pelo mesmo 1.3, de 98 cv e 13,1 kgfm de torque, junto do competente 1.5, de 107 cv  e 14,7 kgfm de torque. Ironicamente, no mesmo dia do lançamento do Volkswagen Polo no ano passado, a Toyota ironicamente anunciou o investimento de R$ 1,6 bilhão na fábrica de Porto Feliz (SP), onde seus motores são feitos.

4 - Design global

undefined
Divulgação
Toyota Yaris Tailandês terá vários itens em comum com a versão que está prestes a ser lançada no mercado brasileiro

Este será outro diferencial do Yaris em relação ao Polo. No Brasil, o modelo da Volkswagen adota design mais esportivo, seguindo uma linha oposta ao modelo europeu. Para-choque, rodas e até os retrovisores do Polo são diferentes por aqui, em relação ao europeu.

O Yaris, por outro lado, será igual ao modelo que foi apresentado na Tailândia no ano passado, acabando com os boatos de que a Toyota simplificaria a versão nacional. A intenção é torná-lo um modelo global, com poucas diferenças em cada lugar do mundo.

5 - Segurança de carro premium

undefined
Divulgação
Toyota Yaris Sedan recebe nota máxima nos testes de colisão do ASEAN NCAP, da Ásia.

Seguindo o exemplo do Toyota Etios, desde as versões mais básicas, o Yaris virá com controle de estabilidade e tração. Também podemos esperar por airbags de cortina nas versões mais caras. Na Tailândia, a versão topo de linha vem equipada com sete airbags (contando com dois frontais, de cortina e para joelho de motorista e condutor), mas o modelo nacional será um pouco mais simples.

LEIA MAIS: Chevrolet Prisma chega à linha 2019 com novidades

Também não podemos prever o seu desempenho em teste de colisão. Apesar de manter a aparência do modelo tailandês, que é feito sob a estrutura TNGA, o Toyota Yaris nacional será feito sob uma versão modificada da plataforma do Etios.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários