Tamanho do texto

SUV será apresentado no Salão de Buenos Aires (Argentina), em meados do ano que vem. Chegará ao mercado até 2020

VW Tarek conceitual tem desenho praticamente igual ao que será produzido em série, na Argentina, a partir de 2019
Divulgação
VW Tarek conceitual tem desenho praticamente igual ao que será produzido em série, na Argentina, a partir de 2019

A Volkswagen avança no processo de lançamento do SUV  VW Tarek na América do Sul, o que inclui o Brasil. O carro acaba de aparecer no site do INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), que mostra as patentes registradas no Brasil. Trata-se de um claro sinal de que o carro já está a caminho. De acordo com o que a reportagem de iG Carros apurou durante os 65 anos da Volkswagen , em março, o novo SUV rival do Jeep Compass será apresentado no Salão de Buenos Aires (Argentina), em meados do ano que vem.

LEIA MAIS: Vazam fotos e detalhes do Volkswagen Tarek, futuro rival do Jeep Compass

O VW Tarek virá até 2020, depois do compacto T-Cross, feito sobre a mesma base da dupla Polo/Virtus, que chega no início do ano que vem. Será a aposta (mesmo que tardia) da Vokswagen para enfrentar o Jeep Compass , que domina o segmento de SUVs médios atualmente no Brasil. Ainda não há detalhes técnicos sobre o carro, mas as principais apostam recaem sobre o motor 1.4 turbo com câmbio automático de seis marchas como principal escolha do conjunto mecânico.

VW Tarek aparece entre as patentes que acabam de ser registradas no site do INPI. Traseira é parecida com a do T-Cross
Reprodução/INPI
VW Tarek aparece entre as patentes que acabam de ser registradas no site do INPI. Traseira é parecida com a do T-Cross

Pelas imagens das patentes, a versão que será vendida na Brasil terá praticamente o mesmo desenho que já é vendida na China. Entre outros detalhes, o carro poderá ter teto panorâmico, faróis com lâmpadas de LED e câmera frontal. Contará com entre-eixos 25 centímetros mais curto que o do Tiguan de sete lugares e 10 cm a menos de comprimento, chegando nos 4.45 metros, por 1,84 m de largura e 1,63 m de altura.

Aposta nos SUVS, além do VW Tarek

VW Touareg da nova geração será importado da Eslováquia a partir do último trimestre do ano, acima do VW Tarek
Divulgação
VW Touareg da nova geração será importado da Eslováquia a partir do último trimestre do ano, acima do VW Tarek

 No caso do Tarek, a expectativa da marca é alta. A fabricante espera vender 400 mil unidades por ano, numa aposta até mais alta que a relacionada às vendas do Tiguan, trazido do México.  Não é por acaso que a primeira aparição oficial do novo SUV médio da VW será na Argentina, país vizinho onde o carro será fabricado.    

LEIA MAIS: Desafios do VW T-Cross para encarar o “quarteto fantástico” dos SUVs compactos

Entre as razões pelas quais a Volkswagen espera vender bem o Tarek está o crescimento nas vendas de SUVs. Espera-se que a participação dos utilitários esportivos suba dos atuais 25% do total para 40%.  Com isso, outros tipos de SUVs da marca deverão surgir.

Entre os quais, além do VW Tarek , estará a nova geração do Touareg, que será importada da Eslováquia no fim do ano. É mais sofisticada, leve, espaçosa e potente que a anterior. Será uma das atrações do Salão do Automóvel, no São Paulo Expo, entre 8 e 18 de novembro. E o quinto utilitário esportivo da marca deverá ser o Atlas Cross Sport, versão com ares de cupê do maior SUV da fabricante, mas que teve apenas a versão conceitual apresentada. 

LEIA MAIS: Confirmado para o Brasil, Volkswagen Touareg é revelado na China

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.