Linha Ford
undefined
Ford Ka (hatch e sedã) e EcoSport são os principais produtos da marca no Brasil, ambos feitos em Camaçari (BA)

A Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos) publica o balanço de vendas do mês de julho, mostrando que a Ford foi apenas a sétima fabricante no ranking geral, com 16.660 emplacamentos. Dessa forma, a marca americana que sempre figurou entre as quatro grandes fica atrás de GM (36.356), Volkswagen (30.454), Hyundai (18.733), Fiat (16.803), Renault (16.767) e Toyota (16.752).

LEIA MAIS: Fiat Toro lidera lista dos modelos que mais depreciaram no primeiro semestre

Toyota e Hyundai ainda terão dois grandes lançamentos para o segundo semestre (Corolla e HB20), podendo complicar ainda mais a situação da Ford nas vendas de 2019. No acumulado entre janeiro e julho, a Ford ocupa a sexta colocação com 122.111 unidades comercializadas. A Chevrolet, líder do mercado, vendeu mais que o dobro. 

O Chevrolet Onix voltou a ser o campeão de vendas em julho, com 20.071 emplacamentos. Prestes a ser renovado, o Hyundai HB20 não perdeu fôlego e teve 9.205 unidades comercializadas. O Ford Ka surge em terceiro lugar, com 9.076, seguido por Chevrolet Prisma (8.377) e Renault Kwid (8.070).

O ranking dos mais vendidos continua com VW Gol (7.275), Fiat Argo (6.610), VW Polo (6.199), Jeep Compass (6.171) e Toyota Corolla (5.936). 

LEIA MAIS: Novo Peugeot 208 não vai tirar o modelo atual de linha

Nova estratégia global

A Ford passa por um processo de reestruturação em todo o mundo, abandonando mercados não-lucrativos e fechando fábricas que produzem veículos de baixa demanda. Foi o caso dos complexos industriais de Bordeaux e Blanquedort (França), além da fábrica de São Bernardo do Campo (SP). Apenas o Fiesta era fabricado na planta, enquanto Ka, Ka Sedan e EcoSport estão  em Camaçari (BA). 

Alternativas para conter a crise global já estão sendo executadas. Nos Estados Unidos, a marca pretende abandonar os segmentos dos hatchbacks, sedãs e utilitários comerciais. Neste caso, modelos como Fiesta, Focus, Fusion e Taurus estão condenados para dar lugar ao portfólio composto apenas por SUVs, picapes e o Mustang.

Territory
Divulgação
O SUV Territory foi apresentado no Salão do Automóvel de 2018 como rival para o Compass

No próximo dia 7, a Ford apresentará um novo produto para o mercado latino-americano. Será um utilitário do porte médio para concorrer com Jeep Compass, VW Tiguan e Chevrolet Equinox, e apesar do segredo, sabe-se que será um entre dois SUVs apresentados recentemente: Territory e Escape.

O Territory foi atração do Salão do Automóvel de 2018, compartilhando sua base com o SUV chinês Yusheng S330. Apesar da apresentação oficial, tratava-se apenas de um teste para a receptividade do público. Meses depois, executivos começaram a dar pistas de que o novo SUV também poderia ser o Escape, apresentado em 2019 nos Estados Unidos.

LEIA MAIS: Ford EcoSport: primeiro SUV compacto muda pouco na linha 2020

A Ford enfrenta pressão dos concessionários que clamam por produtos de maior apelo e lucratividade. O Jeep Compass tem sido um dos grandes responsáveis pelos bons números da FCA no Brasil e um carro na mesma categoria faria muito sentido para o nosso mercado. Apesar do volume de vendas, as versões hatch e sedã do Ford Ka não trazem o faturamento que a rede espera. E o EcoSport, que já foi líder de sua categoria, ocupa apenas a sexta colocação no ranking de vendas. 

Os modelos que mais emplacaram em julho de 2019

1 - Chevrolet Onix -  20.071
2 - Hyundai HB20 - 9.205
3 - Ford Ka - 9.076
4 - Chevrolet Prisma - 8.377
5 - Renault Kwid - 8.070
6- VW Gol - 7.275
7 - Fiat Argo - 6.610
8 - VW Polo - 6.610
9 - Jeep Compass - 6.171
10 - Toyota Corolla - 5.936

    Veja Também

      Mostrar mais