A Secretaria da Fazenda e Planejamento do Governo do Estado de São Paulo divulgou as alíquotas e o calendário de pagamento do IPVA 2020, que ficará 3,54% mais barato com base em estimativa dos preços praticados no varejo.

LEIA MAIS: Elegemos os 5 carros mais revolucionários da década

O modelo que terá a alíquota mais cara será o McLaren Senna , superesportivo em edição limitada que conta com apenas 500 unidades em todo o mundo - duas delas no Brasil. Cheio de superlativos, o esportivo britânico tem motor V8 4.0 biturbo, que rende 800 cavalos de potência. De acordo com a marca, ele pode atingir 100 km/h em míseros 2,8 segundos.

Mais quais seriam os modelos produzidos em série com os IPVAs mais caros em São Paulo? A reportagem do iG Carros consultou os dados da  tabela Fipe  (com dados de dezembro de 2019) para compor o ranking. Acompanhe abaixo. 

5 - McLaren 720S Spider - R$ 136 mil

McLaren 720S
Divulgação
McLaren 720S traz materiais ultrarresistentes em fibra de carbono na estrutura

De acordo com a tabela Fipe, a McLaren 720S Spider avaliada em R$ 3 milhões tem um dos IPVAs mais caros do Brasil. Conforme o imposto de São Paulo, deve-se desembolsar R$ 136 mil.

O motor é o 4.0, V8, biturbo,  de 720 cv e 78,5 kgfm de torque, força capaz de proporcionar aceleração de 0 a 100 km/h em míseros 2,9 segundos. Coloque isso na conta dos materiais ultraleves e resistentes utilizados em sua estrutura, como fibra de carbono.

4 - Rolls-Royce Wraith - R$ 144 mil

Rolls-Royce Wraith
Divulgação
Rolls-Royce Wraith é o sedã luxuoso de 624 cv de potência e câmbio de oito marchas

O Wraith é o quarto veículo de produção mais caro do Brasil. Importado pela Via Itália, o sedã de luxo pode ser adquirido por R$ 3,6 milhões. Neste caso, é necessário incluir os R$ 144 mil que o proprietário terá que desembolsar pelo IPVA em 2020.

Abaixo do capô, o sedã esconde um grande 12 cilindros que entrega a força bruta de 624 cv de potência, além de um torque violento de: 81,7 kgfm. O câmbio automático é desenvolvido pela ZF, com oito marchas

3 - Rolls-Royce Phantom - R$ 144 mil

Rolls-Royce Phantom
Divulgação
Rolls-Royce Phantom também é um dos carros mais customizáveis do mercado premium brasileiro

A lista começa com uma dobradinha da marca do “duplo R”, pois o Phantom também tem um dos IPVAs mais caros do Brasil. O modelo pode ser adquirido na Via Itália, importadora oficial da marca inglesa. Com a cotação de 4% do Estado de São Paulo e R$ 3,6 milhões registrados na Fipe, o IPVA do sedã pode atingir R$ 144 mil.

LEIA MAIS: Veja 5 esportivos que parecem bons, mas estão longe disso

O carro com o IPVA mais caro do Brasil traz um grande propulsor 6.7 V12, de 570 cv de potência e brutais 91,78 kgfm de torque. São números para acelerar de 0 a 100 Km/h em 5,3 segundos, com velocidade máxima de 250 km/h. Entre seus apetrechos e diferenciais, destaque para um mapa 3D do DNA do proprietário que pode compor parte do acabamento.

2 - Ferrari 812 Superfast - R$ 168 mil

Ferrari 812
Divulgação
Ferrari 812 Superfast: Sem dúvida alguma, um belíssimo GT, bem como remanescente entre os berrantes V12

O que você faria com R$ 168 mil? Eu compraria um Mini Cooper S, mas algum milionário terá que utilizar a grana para pagar o IPVA de uma Ferrari 812 Superfast no estado de São Paulo. Também vendida no Brasil pela Via Itália, o superesportivo custa R$ 4,2 milhões.

Vale lembrar que a 812 é a primeira Ferrari com assistência elétrica de direção no lugar da hidráulica. Seu motor 6.5 com doze cilindros em V entrega a 879 cv de potência, força suficiente para atingir 100 km/h em apenas 2,9 segundos e 340 km/h de velocidade máxima.

1 - Lamborghini Aventador S - R$ 172 mil

Lamborghini Aventador S
Divulgação
Cada aceleração pode ser uma paulada no estômago com o Lamborghini Aventador S

Eis o modelo de produção em série com o IPVA mais caro do Brasil, de acordo com os dados da tabela Fipe. Para manter o Aventador S de R$ 5,3 milhões, o milionário terá que desembolsar a salgada quantia de R$ 172 mil.

LEIA MAIS: Veja 5 carros inéditos que serão lançados no Brasil em 2020

Cheio de pimenta, o superesportivo vem com o maldoso motor V12, de 6.5 litros de cilindrada, capaz de gerar 730 cv e nada menos que 70,3 kgfm de toque. São números suficientes para acelerar de 0 a 100 km/h em 3 segundos e insanos 350 km/h.

    Veja Também

      Mostrar mais