Audi A3 arrow-options
Divulgação
Novo Audi A3: O modelo mais em conta a surgir depois da fabricante estabelecer suas inovações para a década

A nova geração do Audi A3 seria a grande estrela da marca no Salão de Genebra. Entretanto, restou à fabricante divulgar pela internet, uma vez que o evento sofreu com o Coronavírus. Na nova geração, o hatch surge com um design bem mais esportivo e agressivo do que seu antecessor. As encomendas podem ser realizadas no mercado europeu a partir deste mês, sendo que as primeiras unidades serão entregues a partir de maio. A quarta geração do hatch parte de 28.900 euros no mercado europeu, o equivalente a cerca de R$ 145.360. A Audi do Brasil confirmou a sua chegada, mas disse que ainda falta definir quando.

LEIA MAIS: Primeiro SUV elétrico da Audi chega ao Brasil em abril

São evidentes as inspirações nos novos RS6 e Q8, que chegam por ditar a nova linguagem visual da linha. A dianteira do Audi A3 ganhou uma aparência mais musculosa graças aos vincos no centro do capô e o para-choque traz entradas de ar bem pronunciadas nas extremidades. Enquanto isso, a traseira ostenta lanternas afiladas bem parecidas com as do novo Audi Q3 .

LEIA MAIS: Audi Q3 retorna totalmente renovado para enfrentar os rivais

Equipamentos e mecânica

Audi A3 arrow-options
Divulgação
Interior traz as últimas tecnologias e o visual modernizado ante o antecessor, que ainda está à venda no Brasil

O interior, por sua vez, chega completamente renovado, com duas saídas de ar-condicionado posicionadas mais acima, quase juntas do volante. O console central traz tomada de 12 volts e freio de estacionamento com acionamento elétrico, cujo botão fica bem próximo à manopla de câmbio. Ele também pode vir com painel digital e head-up display. O porta-malas do A3 hatch tem capacidade padrão de 380 litros, mas ao rebater os bancos traseiros, chega aos 1.200 litros.

LEIA MAIS: Audi Q8: aceleramos na pista o maior SUV da marca que acaba de chegar ao Brasil

Futuramente, o Audi A3 hatch ganhará novas motorizações, além de tração nas quatro rodas. No mercado europeu, a novidade será vendida com três opções de motorização: 1.5 TFSI a gasolina (150 cv) e duas variações do 2.0 TDI, que entregam 116 cv e 150 cv. Há dois tipos de transmissão: manual de cinco marchas e automático de sete velocidades. O modelo vem com suspensão traseira multilink apenas nas versões com 150 cv e pode ser encomendado com o sistema de amortecedores adaptativos.

    Veja Também

      Mostrar mais