Fiat Doblò
Divulgação
A Fiat Doblò 2021 mudou pouco em relação ao modelo que chegou ao mercado brasileiro em 2002

A FCA contínua renovando alguns de seus modelos mais antigos. Após 19 anos de mercado, o Fiat Doblò chega à linha 2021, com destaque para a adição de Isofix e Top Tether para retenção de cadeirinhas infantis, por R$ 98.290. Equipamentos adicionais, como sistema som, espelhos externos com regulagem elétrica, faróis de neblina, volante revestido de couro, sensor de estacionamento e limpador do vidro traseiro são oferecidos como opcionais no pacote Evolution ao preço de R$ 4.150.

LEIA MAIS: Imagens mostram como deve ficar a versão renovada da Fiat Toro

De série, a Fiat Doblò vem com direção hidráulica, ar-condicionado, vidros dianteiros elétricos, chave canivete e preparação para rádio. O motor continua sendo o conhecido 1.8 E.torQ flex de 132 cv e 18,4 kgfm, sem uma segunda opção.

Segundo o Inmetro, faz 6,4 km/l na cidade e 6,7 km/l na estrada com etanol. Na gasolina, os números vão para 9,2 km/l e 9,8 km/l, respectivamente. Seu porta-malas garante 665 litros de capacidade, com carga útil de 490 kg. O câmbio é sempre manual, de cinco marchas.

LEIA MAIS: Fiat Toro perde versões com motor 2.4 na linha 2021

Novo Fiat Doblò

Fiat
Divulgação
Na Europa, a Fiat Doblò foi completamente renovada. Modelo ostenta o bom motor do tipo Multijet

Na Europa, a multivan  se transformou ao longo dos anos. Ganhou uma nova geração, que tenta se distanciar dos veículos utilitários convencionais. Seu design não esconde as similaridades com o Kia Soul, com linhas modernas e descoladas.

LEIA MAIS: Fiat marca data para divulgar preços e tudo sobre a nova Strada

Com seis airbags, o  Fiat Doblò europeu parte de 19 mil euros (R$ 106 mil, em uma conversão direta). Há também uma versão estendida, com 35 cm a mais de entre-eixos e motor Multijet com injeção direta. Trata-se de um modelo que, apesar de fazer todo o sentido no Brasil, chegaria a custos proibitivos.

    Veja Também

      Mostrar mais