Mercedes-Benz GLA: antes nacional, modelo será importado da Alemanha na linha 2021
Divulgação
Mercedes-Benz GLA: antes nacional, modelo será importado da Alemanha na linha 2021

A Mercedes-Benz começa a aceitar reservas para o GLA 200 em sua nova geração. O destaque do lançamento fica por conta da versão AMG Line (R$ 325.900), que acrescenta grade frontal cromada, para-choques e rodas exclusivas da divisão esportiva. No interior, o SUV traz volante, pedais, molduras e bancos esportivos.

O pacote AMG Line não inclui mudanças mecânicas no modelo; trata-se apenas de um recurso de estilo para o SUV, que segue fazendo parte do catálogo convencional da Mercedes-Benz. Sua versão desenvolvida pela Mercedes-AMG – a GLA 35 4Matic, capaz de atingir 100 km/h em 4,2 segundos  – segue ausente no Brasil. 

Isso não significa que o GLA 200 AMG Line não tenha um bom desempenho para a categoria. O modelo com motor 1.3 turbo entrega 163 cv de potência a 5.500 rpm e 25 kgfm de torque a 1.640 rpm, com capacidade para acelerar de 0 a 100 km/h em 8,7 segundos, segundo a fabricante. O câmbio é automatizado, de sete marchas.

Você viu?

Como equipamentos de série, o GLA 200 inclui assistente de direção, sensor de ponto-cego, assistente de permanência e faixa, câmera de ré, carregador de celular por indução e faróis em LED.

A central multimídia flutuante de dez polegadas tem conexões para Android Auto e Apple CarPlay com sistema MBUX . Trata-se de uma inteligência artificial operada por áudio que auxilia o motorista nos comandos do veículo, eliminando a necessidade de tirar os olhos da pista.


Entre outras funcionalidades, o MBUX permite que o motorista ajuste a temperatura do ar-condicionado, ligue luzes de leitura e pergunte informações sobre a previsão do tempo sem tirar as mãos do volante. Basta dizer “olá, Mercedes”, e o SUV irá responder.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários